icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 teorias da conspiração sobre 2017 que vão explodir sua mente

POR Natália Pereira    EM Curiosidades      20/11/17 às 14h04
capa do post 7 teorias da conspiração sobre 2017 que vão explodir sua mente

As teorias da conspiração sempre fizeram parte dos grupos sociais. Se tem gente envolvida, pode ter certeza que a desconfiança paira sobre o ambiente. Não é como se as pessoas não tivessem motivos para suspeitar de certas histórias ou acontecimentos. As pessoas já provaram serem capazes de muita coisa "fora dos padrões" ou do convencional e ético. Isso faz com que algumas teorias sejam bem sustentadas e reais.

Com o uso da internet ficou muito mais fácil espalhar essas teorias por aí. Todos podem compartilhar seus pensamentos através de alguma rede e expor mais uma das milhares de teorias da conspiração que nos ronda. O ano de 2017 está quase no fim e não ficou fora dessas polêmicas nem por um instante. Para aqueles que gostam de compartilhar suas preocupações com os grupos Illuminatis e revoluções do governo esse com certeza foi o ano.

Algumas dessas teorias vão realmente travar o seu cérebro. Afinal, será?

1 - A dublê de Melanie Trump

Teorias sobre "falsos" famosos em eventos importantes é o que não falta. Para se juntar a esse grupo está a primeira-dama dos Estados Unidos, Melania Trump. Em outubro desse ano pessoas começaram a espalhar imagens, vídeos e comentários nas redes sociais sobre um evento no qual a suposta dublê de Melania estaria acompanhando Donald Trump.

Um vídeo que ronda a internet mostra algumas imagens tiradas da primeira-dama no evento, comparando-as com outras imagens de Melania. São mostradas algumas diferenças notáveis em sua aparência, além das teorias se sustentarem através de uma fala do próprio presidente ao tentar enfatizar a presença da esposa. O comentário de Donald para os presentes no evento foi: "Minha esposa, Melania, que está bem aqui".

O comentário um pouco suspeito serviu de motivação para os conspiradores que acreditam que a mulher presente no evento era uma agente do Serviço Secreto com características parecidas com as de Melania. O presidente estaria enfrentando problemas? Ou a primeira-dama apenas não poderia comparecer ao evento?

2 - Tráfico de crianças em Marte

Alex Jones, um apresentador de rádio, cineasta, escritor e, principalmente, um teórico da conspiração norte-americana não dispensa nenhuma teoria maluca, mesmo que ela não faça o menor sentido. Afinal, vai que é verdade né?

Para colocar ainda mais teorias na cabeça de AlexRobert David Steele, um homem aparentemente racional afirmou para ele que em Marte existe uma colônia de escravos sexuais infantis. Como se a teoria sozinha já não fosse o suficiente, Robert já fez parte de muitas áreas importantes do país. Ele é ex-oficial da inteligência militar, ex-oficial da Agência Central de Inteligência e co-fundador do Marine Corps Intelligence Center, o que não facilita na hora de desmistificar as suas falas.

De acordo com Robert as crianças são enviadas ao planeta e logo depois são agredidas sexualmente, sendo obrigadas também a fazer trabalhos escravos. A viagem teria o propósito de durar 20 anos, e seria pensada para que as crianças não tivessem nenhuma saída além de cumprir com as suas "obrigações". Outra teoria diz que as vítimas tem seus ossos e sua medula óssea retirados devido suas propriedades "anti-envelhecimento".

Alex tenta sustentar a ideia afirmando que esse seria o motivo para que a NASA desligasse suas sondas enquanto sobrevoam o planeta. Não precisa nem dizer que logo após essa teoria ser lançada um oficial da NASA negou a teoria, afirmando que o único em marte seria o robô enviado para lá. Uma reportagem foi feita pelo Daily Beast sobre a fala do agente.

3 - A conspiração do furação

Como se já não existissem muitas acusações jogadas sobre o governo americano, essa teoria é a prova de que nunca é o bastante. Alguns superam as teorias "simplistas" ao direcionarem os problemas meteorológicos como mais um ato do governo dos Estados Unidos.

Alguns furacões como o Harvey, Irma e Maria assolaram a América do Norte em 2017. Atingindo a cidade de Houston, o estado da Flórida e Porto Rico, respectivamente. Não sendo o suficiente ter que lidar com as consequências desses ataques naturais alguns conspiradores direcionaram sua raiva para o governo. Uma das teorias promovidas pelo Your News Wire diz que os federais foram os responsáveis por criar todas essas tempestades devastadoras através de uma base secreta de pesquisa no Alasca.

Como alvo dessa teoria está a HAARP, Programa de Pesquisa de Auroras Ativas de Alta Frequência, criada em 1993 pelas Forças Aéreas dos EUA e atualmente pertencente a Universidade do Alasca. Um ótimo alvo para os conspiradores de plantão. Sem falar que tem ganhado ainda mais repercussão desde o lançamento do livro Angels Don't Play This Haarp, em 1995 por Nick Begich.

Uma das atividades da HAARP, responsável por gerar esse transtorno, consiste em explodir uma frequência de rádio na ionosfera através de antenas. Mas, de acordo com a Daily Beast, os furacões não são formado na ionosfera, fazendo com que a área de pesquisa não pudesse ser responsável por esses eventos.

4 - Sabotagem corporativa da Chipotle

Chipotle é um restaurante de comida mexicana que não sai perdendo quando o assunto é teorias da conspiração. E não é pra pouco. O restaurante vem sofrendo desde 2015 quando teve um surto de Escherichia Coli e Salmonella, sem falar dos Norovíros - vírus transmitido pela ingestão de alimentos ou bebidas contaminadas. De acordo com o Business Insider o Neurovírus chegou a infectar mais de 100 clientes na Virgínia esse ano. A notícia fez os estoques diminuírem e as conspirações aumentarem.

Em julho deste ano, Aaron Allen, da Aaron Allen & Associate, divulgou uma teoria polêmica ao afirmar que os surtos seriam propositais. De acordo com ele alguém teria infectado os restaurantes com germes para que o local fechasse. É um fato que o Chipotle vem caindo desde então mas quem seria o responsável por isso? Não a provas que sustentem essa teoria nem possíveis responsáveis que tenham a intenção de ver o luga pra baixo. Além dos clientes infectados, é claro.

5 - Julian Assange e o eclipse

Julian Assange é um jornalista e escritor que está frequentemente envolvido em polêmicas e com o vazamento de e-mails e documentos secretos. Além disso ele é o fundador da WikiLeaks. Em agosto de 2017, através do Twitter, Julian se envolveu em mais uma polemica.

A conspiração feita por ele diz que olhar diretamente para o eclipse total, que ocorreria esse ano, não causaria problemas a visão. Ele continua sua fala afirmando que os olhos desviam automaticamente quando o sol começa a sair de trás da lua, sendo toda essa ideia de não olhar para o sol sem proteção uma forma sustentada para manter os lucros da companhia de óculos.

De acordo com ele está tudo bem olhar para o eclipse, sendo os óculos de papelão vendidos nesse período uma questão de marketing e negócios. Porem, apesar de existir um período de tempo breve em que o sol é coberto totalmente pela lua, sendo inofensivo, isso só acontece durante uma fração de tempo muito curto e num lugar muito específico, para poucas pessoas. No entanto o uso dos óculos é sim o mais recomendado.

6 - O tiroteio em Las Vegas

Com certeza o tiroteio mais mortal dos EUA, semelhante ao Sandy Hook, foi responsável por muitas teorias da conspiração que tentavam justificar o ato sangrento. Stephen Paddock matou 58 pessoas e feriu mais de 500 no festival Route 91 Harvest, no dia 01 de outubro de 2017 enquanto estava no 32º andar do Mandalay Bay Resort.

As teorias da conspiração que envolveram o acontecimento partiram desde grupos relacionados Illuminati, terroristas islâmicos e até uma operação do governo para inspirar leis sobre o controle de armas. Apesar da Segunda Emenda permanecer intacta quanto a essas questões, colocando essa teoria para baixo.

Se tratando das conspirações Illuminatis tudo era sustentado pela sua proximidade com a esfinge, a pirâmide e o obelisco, sendo o atentado um sacrifício de sangue do grupo. Já os que acreditavam ter alguma relação com grupos islâmicos continuam afirmando que o governo havia afastado as conexões com o mesmo.

Ambas as teorias continuam sem resposta.

7 - A guerra civil que não aconteceu

As teorias acreditavam que algo violento estava para acontecer. Tudo começou quando um grupo chamado Refuse Fascism encenou um protesto em setembro ao desligarem uma estrada de Los Angeles e exibirem cartazes com a frase "NOV ??4 IT BEGINS", incitando que os atos começariam no dia 4 de novembro. O Refuse Fascism também foi relacionado com uma organização chamada de Partido Comunista Revolucionário, aumentando os rumores.

Todas essas conspirações fizeram com que o dia 4 de novembro de 2017 se tornasse um dia assustador para a direita alternativa, com medo das ações que viriam do grupo esquerdista, mesmo que estes tivessem afirmado se tratar apenas de um protesto pacífico para mobilizar o país contra o Donald Trump, movendo acusações contra ele.

As notícias que rondaram a internet durante esse período realmente acreditavam que se tratava de uma revolução antifascista. As crenças sobre o dia que estava por vir afirmavam que o grupo usaria super soldados armados para matar membros da polícia e pessoas brancas. Além de uma afirmação feita pelo Infowars dizer que o grupo planejava derrubar o governo.

A Sociedade John Birch também entrou no assunto pedindo para que as pessoas mantivessem seus filhos em casa para sua proteção, acreditando que os antifascistas pretendiam matar os eleitores de Trump, os conservadores e aqueles que tinham posse de armas.

Apesar de toda a repercussão, nenhum atentado aconteceu naquele dia. Muito menos o início de uma guerra civil.

E então, conhecia alguma das teorias que rondaram esse ano?


Próxima Matéria
avatar Natália Pereira
Natália Pereira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest