• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


8 coisas estranhas que fazemos todos os dias

POR Júlia Marreto    EM Entretenimento      18/10/16 às 11h48

Quantas coisas estranhas você faz todos os dias? Quando paramos para pensar, na verdade, fazemos mais coisas estranhas do que imaginamos. Isso porque já acostumamos tanto a fazer essas coisas que elas nem parecem mais estranhas assim.

Porém, elas vão contra a natureza do ser humano, seja em busca da pele perfeita, das tentativas de nos encaixarmos na sociedade, de fazer parte de um determinado grupo, enfim... os motivos são os mais variados. Existe a necessidade de, além de se encaixar nessa determinada sociedade, de se sentir bem consigo mesmo (que é um reflexo dessa cultura).

Você já parou para observar suas mãos? Se você ficar tempo suficiente olhando para seus dedos, por exemplo, irá começar a achar que eles são apêndices alienígenas, achando estranho a aparência. Assim como qualquer outra parte do corpo. É importante lembrarmos que não temos o intuito de criticar, julgar, muito menos impor verdades absolutas.

Nosso objetivo é único e exclusivo de entreter. Por isso, o conteúdo dessa matéria se destina a aqueles que se interessarem e/ou identificarem. Sendo assim, a redação da Fatos Desconhecidos selecionou uma listinha com 8 coisas estranhas que fazemos todos os dias. Essas podem ser algumas delas:

1 - Cirurgias Plásticas

01

Tudo bem que não fazemos cirurgias plásticas todos os dias, mas são um ótimo exemplo disso são as cirurgias plásticas, segundo Diana Zuckerman, psicóloga presidente do Centro de Pesquisa Nacional para as Mulheres e Famílias "Existe essa ideia de que se você aparentar mais 'bonito' irá se sentir mais feliz. Vai se sentir melhor sobre si mesmo. E, obviamente, faz sentido, porque vivemos em uma sociedade onde as pessoas se preocupam muito com as aparências." No entanto, de acordo com um estudo publicado na Revista JAMA Facial Plastic Surgery, em 2013, algumas alterações corporais te fazem necessariamente mais atraentes para as outras pessoas.

2 - Depilar / Fazer a barba

Close Shave

E não apenas as mulheres (como axilas, pernas e virilha), mas os homens também, quando fazem a barba por exemplo. Ou em situações mais comuns ainda, como cortar os cabelos. Se partirmos do ponto de vista evolutivo essas são atitudes que não fazem muito sentido. Esses pelos existem para que os ferormônios alcancem o (possível) parceiro.

3 - Piscar

03

Não é algo tão estranho assim, na verdade, o que é estranho é o fato de nosso cérebro "editar" aquilo que enxergamos, para que aquele milésimo de segundo que fechamos nossos olhos para lubrificação e proteção, não nos atrapalhe. São diversas áreas envolvidas nesse processo, que fazem com que consigamos ver o mundo sem interrupções.

4 - Beijar

04

Outra coisa extremamente comum, mas quando paramos para refletir sobre o ato, acaba se tornando estranho essa troca de salivas. Porém, beijar é um ato instintivo. Permite às pessoas sentirem cheiros e gostos dos parceiros. A respiração e saliva das pessoas carregam sinais químicos, que mostram se a pessoa está saudável ou doente, no caso das mulheres, podem até mostrar se estão ovulando. Outro detalhe é que a pele ao redor do nariz e boca é revestida com uma espécie de óleo, que contém ferormônios. Os ferormônios, quando passados de uma pessoa para outra durante um beijo pode fazê-la se sentir mais ou menos atraída.

5 - Sonhar

Relax and reading book on the cloud

Dormir é algo extremamente necessário para nosso organismo, esse período de descanso faz com que ele possa "voltar ao normal". Mas e os sonhos? Apesar de não lembrarmos (sempre) nós sonhamos praticamente todas as noites. Existem várias teorias sobre os sonhos, uma delas, proposta por Deirdre Barrett, um psicólogo da Universidade de Harvard, sugere que sonhamos para que possamos resolver nossos problemas.

6 - Soluçar

06

Os soluços são espasmos involuntários do diafragma, membrana muscular localizada no peito, que tem papel importantíssimo na respiração. Os soluços acontecem quando esse músculo fica irritado, normalmente causado por muita ou pouca comida no estômago. Mas, eles são tão inúteis quanto irritantes. Aparentemente possuem nenhum propósito.  Uma das hipóteses sobre a origem dos soluços é que se trata de um reflexo de sucção primitiva.

7 - Morrer

07

Alguma vez já pensou sobre como seria morrer? Se essa dúvida nunca sequer passou pela sua cabeça, você não é nada parecido com a maioria das pessoas. De acordo com Pelin Kesebir, uma psicóloga do Center of Healthy Minds da Universidade de Wisconsin-Madison, esses pensamentos são muito comuns e naturais. O que diferencia é a obsessão sobre a própria mortalidade ou a de entes queridos. Kesebir conta que as pessoas tendem a pensar muito sobre a morte por conta de seus "cérebros sofisticados". "Nossas mentes nos fazem dolorosamente conscientes de nossa inevitável morte, o que entra em conflito com nosso desejo biológico de viver."

8 - Tédio

08

Todo mundo já ficou entediado, pelo menos uma vez na vida. E você já reparou como esses sentimentos são estranhos? Afinal de contas, todo mundo tem um monte de coisas para fazer, como é possível "faltar" algo para manter uma pessoa ocupada? A questão é que o tédio não se trata de "falta do que fazer", mas sim da falta objetiva de satisfação neurológica, causando um estado psicológico subjetivo de insatisfação, frustração ou desinteresse. Além disso, pessoas com dificuldades de concentração, por exemplo as que possuem TDAH, a tendencia ao tédio é maior; é o que diz um estudo publicado na revista Perspectives on Psychological Science em 2012. Além disso, pessoas que estão chegando ao fim da sua vida adulta jovem, por volta dos 22 anos, tendem a sentirem menos tédio do que os adolescentes.

Então pessoal, o que acharam? Esses são apenas alguns exemplos de coisas que são realmente estranhas e que fazemos, praticamente, todos os dias e nem percebemos. Encontraram algum erro na matéria? Ficaram com dúvidas? Possuem sugestões? Não se esqueçam de comentar com a gente!

Próxima Matéria
Júlia Marreto
É a dona de um coração esculpido pela literatura e preenchido pelos bons vinhos de Baco. Guiada nas artes da vida por Ares, possui a discreta delicadeza de um elefante pulando carnaval numa loja de cristais! Movida diariamente pelo combustível da vida: o café, essa garota possui raízes profundas na poesia da vida. É muito séria, mas sabe brincar na hora certa. Ama os animais e detesta filme de terror. Apesar de cantar mal, canta com sentimento. E adora musicais! Sua principal tentativa desportiva é o baralho. Ela gosta mesmo é de coisas antigas, apaixonada pela vida e sonha com o universo. Instagram: , @juliamarreto
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+