• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


8 comidas bizarras dos nossos vizinhos sul americanos

POR Rafael Miranda    EM Mundo Afora      25/11/15 às 18h20

Desperdício não existe aqui. Na América do Sul nada é desperdiçado, especialmente se estamos falando de carne. Há toneladas de sopas, guisados ??e outros pratos que usam todas as partes do animal (incluindo olhos e cérebros).

Se você é um aventureiro na área da culinária, a América do Sul é o lugar para você porque há muitas iguarias regionais que vão além do que você acha que conhece. Existem muitos alimentos bizarros que você pode experimentar durante uma viagem pela América do Sul.

A Fatos Desconhecidos lista a seguir 8 dos alimentos mais bizarros que são preparados pelos nossos vizinhos aqui na América do Sul. Confira e descubra se você tem coragem de comer algum deles:

Chapulines - México

31

Cheio de proteína e nutrientes, pobre em gordura e produzido de forma sustentável este petisco tradicional de Oaxaca pode ser a chave para o futuro da culinária. O prato consiste em gafanhotos fritos na pimenta, alho e limão. Eles são servidos sem acompanhamento ou com tacos.

Chuños - Bolívia

32

Nas terras altas e semi-áridas da Bolívia, a vegetação desempenha um papel essencial na nutrição. O chuños é um processo criativo e incomum que envolve batatas. Elas são congeladas nas temperaturas noturnas andinas, descongeladas no sol da manhã, congeladas novamente na noite seguinte, descongeladas novamente - e assim por diante. Finalmente, as batatas são amassadas, congeladas e descongeladas mais uma vez e adicionadas a sopas, ensopados e outros alimentos andinos como lhamas.

Curanto en Hoyo - Chile

33

Este alimento indígena chileno usa um método de cozimento que pode ser considerado um verdadeiro espetáculo. Em primeiro lugar, um grande buraco é cavado no chão e forrado com pedras incandescentes aquecidas em uma fogueira. O buraco é então coberto com folhas de ruibarbo.

Um por um, camadas de comida - peixes, mexilhões e legumes - são colocados no interior, separados por mais folhas. Finalmente, terra e areia é colocada na parte superior do furo para criar uma panela de pressão natural. Depois de várias horas, dependendo da quantidade de alimentos no interior, a coisa toda é desenterrada e servida quente.

Cuy - Peru

34

Pratos peruanos como o ceviche têm ganhado renome internacional, mas um outro prato tem chamado a atenção. Ele é um prato controverso para aqueles que cresceram com porquinhos da índia como animais de estimação, mas no Peru, eles são amplamente consumidos. Às vezes, a carne é servido com os osso e seu sabor pode ser facilmente confundido com o sabor de coelho.

Escamoles - México

35

É conhecido como o caviar mexicano. Contudo, por mais que eles possa parecer inofensivo este prato mexicano não é para os fracos de coração - nele é usado larvas de formiga. Escamoles são colhidas da planta agave azul, usada para fazer tequila. No entanto não apetitoso que possam parecer, escamoles são inofensivos e definitivamente vale a pena tentar.

Chouriço - Argentina e Uruguai

36

Chouriço é um prato quase exclusivo da América Latina, mas a versão argentina chamada de "morcilla" chama a atenção. O sangue de porco é cozido com uma variedade de temperos, paprica e alho. O resultado é uma salsicha cremosa e intensamente saborosa, o complemento perfeito para um rico pedaço de bife grelhado e um poderoso vinho tinto Malbec. No vizinho Uruguai, os moradores também desfrutam de uma morcilla doce, com açúcar, passas, nozes e casca de laranja.

Sopa de Mondongo - Colômbia

37

Variações de Sopa de Mondongo são encontradas em toda a América Latina, mas a versão mais conhecida é a colombiana, uma sopa espessa e robusta cheia de carne de porco, lingüiça, e mais importante: tripas. Com uma aparência de favo de mel e uma textura fibrosa, a tripa absorve todas as especiarias e temperos usados ??para fazer o caldo gorduroso e o resultado é um delicioso ensopado servido com arroz e abacate fresco para equilibrar os sabores.

Vaca Entera - Argentina

38

Este prato é realmente mais uma façanha de engenharia, paciência e força pura. Uma vaca inteira, em uma única peça, amarrada sobre uma fogueira é assada durante a noite. Vaca Entera não vai ser fácil de encontrar.

Próxima Matéria
Rafael Miranda
Criando forças para segurar o forninho de cada dia. Instagram: @rafaelmiranda17
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+