icone menu logo logo-fatosnerd.png


8 cópias descaradas de animes que amamos

POR Ana Monteiro EM Fatos Nerd 25/10/17 às 17h43

capa do post 8 cópias descaradas de animes que amamos

Quando um anime faz muito sucesso é normal que ele se torne uma referência. Dragon Ball, por exemplo, serviu de influência para vários outros autores. Eiichiro Oda, o autor de One Piece, já comentou sobre o quanto era fã do trabalho de Akira Toriyama e eles até fizeram um crossover dos piratas junto com os saiyajins. Porém, alguns autores bebem tanto da fonte que acabam criando cópias descaradas de obras já existentes

Os mitos criam, outros copiam. Veja aqui uma seleção de animes e mangás em que exageraram nas referências durante o processo criativo.

1 - Wedding Peach

Uma estudante normal descobre fazer parte de um grupo de guerreiras mágicas que devem proteger o mundo de um terrível vilão. Para se transformar em heroína, ela utiliza um artefato semelhante a uma embalagem de pó compacto. Poderíamos estar falando da primeira temporada de Sailor Moon? Com certeza, mas nesse caso só se trata de Wedding Peach que é protagonizado por Momoko Hanasaki, que faz parte das Love Angels.

2 - Incarnate

Incarnate foi polêmico. Esse mangá fala sobre criaturas chamadas Revenants, que podem se regenerar. Um deles, Mot, viveu demais e deseja morrer. Essa possibilidade começa a se tornar real quando a organização Sanctum encontra uma maneira de exterminá-los. O roteiro parece original? Porque o autor do mangá foi seriamente questionado pelo fato de várias páginas e personagens da trama serem idênticos ao do mangá Bleach de Tite Kubo.

3 - Naburo

Quando Naruto finalmente realizou seu sonho e se tornou Hokage, o que veio depois? Você provavelmente respondeu Boruto, não é mesmo? Saiba que na Indonésia há um mangá publicado mostrando a próxima geração de ninjas de Konoha. Mas não existe nada de Boruto e sim Naburo!

4 - Tae Kwon V

Japoneses adoram robôs gigantes... E coreanos também. Tae Kwon Z é a cópia sul coreana do sucesso nipônico da década de 70: Mazinger Z. A única diferença entre os dois animes é a cor do robô. É isso mesmo. Os personagens, premissa e vilão são os mesmos. O exemplo claro do meme: pode copiar, mas não faz igualzinho.

5 - Dogmon

Os brasileiros também conquistaram seu espaço nessa lista com uma obra que pode ser cópia de Digimon e de Pokémon. Três crianças (que substituem Ash, Misty e Brock) acabam parando no mundo dos Dogmon (chegou a parte de Digimon). Ao lado das criaturinhas, eles enfrentam vários perigos, e claro: os dogmon se transformam para formas mais poderosas a fim de derrotar o inimigo. O desenho foi cancelado após 3 episódios.

6 - Iron Fortress of the Kabaneri

O universo distópico de Attack on Titan influenciou outra obra! A premissa desse anime é bastante semelhante: a cidade é cercada por um muro, existe a ameaça de criaturas semelhantes a zumbis, uma personagem feminina muito poderosa (saudades, Mikasa). Misturando gore e terror, a história é basicamente a sociedade tentando sobreviver a essas criaturas.

7 - Lost in the Moonlight

Nem mesmo Hayao Miyazaki e o Studio Ghibli escaparam do plágio. Lost in the Moonlight é a cópia sul-coreana descarada de A Viagem de Chihiro. Uma garotinha perdida num mundo mágico, uma senhora mais velha que possui poderes sobre ela e um único aliado muito misterioso. Sim, é a mesma premissa dos dois filmes. Moonlight Palace foi duramente criticado por suas semelhanças ao A Viagem de Chihiro desde que seu trailer foi divulgado.

8 - Super Kid

Esse é o caso da pessoa que se inspirou em Dragon Ball e foi longe demais. Super Kid mostra a história de um garotinho com um bastão que que muda de tamanho, voa em um tapete (pelo menos não copiaram a nuvem voadora de Goku), tem golpes semelhantes ao do pequeno Saiyajin e claro, tem uma parceira bem semelhante com Bulma. O nome do personagem? Gokidare. E de onde veio esse plágio? Da Coréia do Sul de novo.

Você já conhecia alguma dessas cópias? E qual outra não poderia faltar nessa lista? Conta pra gente nos comentários!


Próxima Matéria
avatar Ana Monteiro
Ana Monteiro
Lok'tar ogar! For the Horde! Cresceu com um Mega Drive, um Super Nintendo e muitos desenhos animados. Jornalista, especialista em cinema, violinista, entusiasta de narrativas de fantasia e presença garantida em mesas de RPG. Muito tsunderismo em apenas 1,54 de altura.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest