icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


8 formas diferentes de morrer por causa da água

POR Thamyris Fernandes    EM Curiosidades      21/08/14 às 23h35
capa do post 8 formas diferentes de morrer por causa da água

Água, como todo mundo sabe, é sinônimo de vida. Mas, não raro, ela pode ser fatal. E não estamos falando somente dos casos mais comuns, como pessoas que morrem por afogamentos. Esse elemento da natureza, tão essencial, pode ser também traiçoeiro e nos tirar a vida das formas mais improváveis possível.

Acompanhe, na lista abaixo, algumas dessas maneiras que a água tem de nos mandar para o "andar de cima" e fique esperto com ela!

1. Ameba cerebral

Parece até histórias de filmes de ficção científica, mas amebas que se alimentam da massa cerebral existem e são assustadoras. O nome formal desses vermes é Naegleria fowleri e eles ficam locais em a água doce é quente, como em lagos, lagoas e piscinas não tratadas. Esses bichos podem entrar no corpo pelo nariz e daí se instalar no interior do crânio. Entre 1998 e 2007, a Naegleria fowleri foi responsável pela morte de 33 pessoas.

2. Hipotermia

A água também pode te matar se esgotar seu calor corporal. Essa reação é chamada de hipotermia e ocorre quando a temperatura do corpo fica muito abaixo dos 35 graus, calor mínimo necessário para que o organismo funcione corretamente. Depois disso, se o corpo não conseguir repor o calor perdido para a água, a pessoa morre. Foi isso, aliás, que aconteceu com o personagem Jack, do clássico Titanic.

3. Bactérias que se alimentam de carne

Outra coisa que parece fazer parte do roteiro de filmes é a bactéria conhecida como Vulnificus Vibrio. Ela existe em pontos quentes no oceano e pode infectar as pessoas ao se instalar em feridas abertas. Esses bichos realmente se alimentam da carne viva sem o menor pudor. Vulnificus Vibrio, inclusive, mata inúmeras pessoas todos os anos.

4. Animais aquáticos

É claro que você pensou, no primeiro momento, em tubarões. E eles realmente representam um grande risco nas águas salgadas. Mas saiba que eles não estão sozinhos nessa. Muitos outros bichos aquáticos, inclusive os aparentemente inofensivos, podem te levar à morte em um momento de distração debaixo d'água.

5. Acidentes

Nesse quesito não podemos deixar de listas os clássicos afogamentos. Mas há outras formas de acidentes por causa da água, sem que a pessoa esteja na água propriamente dita. Somente nos Estados Unidos, pelo menos 3 mil pessoas morrem a cada ano devido a acidentes de carro causados pela chuva, além das enchentes.

6. Eletrocutado

Qualquer quantidade de água pode potencialmente causar morte se houver uma corrente elétrica nas proximidades. Por isso, se estiver em alto mar, ou mesmo na praia, tome muito cuidado com os raios para não morrer eletrocutado!

7. Beber muita água

Claro que água faz bem para a saúde, mas tudo em excesso pode ser perigoso! Assim, se você se hidratar demais, pode acabar morrendo! Essa condição, aliás, tem até nome: hiponatremia dilucional. Mas, calma, é muito difícil morrer dessa forma! Pode continuar ingerindo seus dois litros de água por dia sem sustos.

8. Queimaduras

Talvez essa seja uma das formas mais doloridas de morrer pela água. Exatamente por isso, séculos atrás, em algumas culturas, essa era uma forma muito comum de punição e inúmeros criminosos chegaram a morrer queimados, na água fervente.


Próxima Matéria
avatar Thamyris Fernandes
Thamyris Fernandes
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest