icone menu logo logo-fatosnerd.png


8 furos de roteiro que não conseguimos ignorar em Liga da Justiça

POR Ana Monteiro EM Fatos Nerd 20/11/17 às 15h52

capa do post 8 furos de roteiro que não conseguimos ignorar em Liga da Justiça

Todos contaram os dias juntos e lotaram os cinemas na estréia de Liga da Justiça. Batman e Mulher Maravilha juntaram um time para enfrentar Lobo da Estepe e os terríveis Parademons. Também foi mostrado um pouco mais da origem e do poder das Caixas Maternas. Mesmo com uma narrativa épica, momentos de descontração, lutas que não deixaram ninguém piscar na sala de cinema e uma série de easter eggs para os fãs da DC, as críticas continuam não sendo muito boas para o lado da DC.

Se você ainda não foi ao cinema, vale a pena ir. Mas, como qualquer outro filme, ele tem lá suas falhas e alguns furos de roteiro que podem (ou não) ser explicados no futuro. Confira alguns deles. E lembre-se: daqui para frente terão spoilers!

1 - Sem fast food

No começo do filme, Batman aterroriza um criminoso para atrair um parademon. Ele explica que essas criaturas se atraem pelo medo. A solução do filme é quando Lobo da Estepe sente medo e as criaturas começam a atacá-lo. Até aí tudo faz sentido. Mas e quanto a Flash? Ele está aterrorizado boa parte do filme, afirma que não sabe lutar e que apenas empurra pessoas e corre. Certo, ele poderia escapar facilmente usando sua velocidade, mas os parademons nem mesmo tentam alcançá-lo. Não devem ser fãs de fast food.

2 - Identidade secreta pra quê?

Alguns personagens da DC, como Batman e Superman, são conhecidos por usarem identidades secretas. Essa escolha é por uma questão de segurança de si mesmo e de suas pessoas queridas, mas parece não ter sido levada em consideração em Liga da Justiça. Aquaman se refere todo o tempo a Bruce Wayne como um homem vestido de morcego. Aliás, para Wayne encontrar Flash ele conta com a ajuda de um guarda qualquer que tem acesso ao seu número privado. Lois Lane chama Superman de Clark em frente a alguns policiais. Pra que guardar segredo, não é mesmo?

3 - Esconderijos das Caixas Maternas

O plano de Lobo da Estepe envolvia encontrar as Caixas Maternas e utilizar a unidade entre elas para devastar a Terra e seu exílio de Apokolips chegar ao fim. Mas a grande questão é: por que todas as caixas estavam na Terra? Uma ficou com as amazonas, outras com os atlantes e uma com os humanas. Na primeira luta contra Lobo da Estepe, a aliança para derrotá-los incluía deuses e até mesmo a Tropa dos Lanternas Verdes. Por que uma das caixas não ficou com os Guardiões em Oa? Isso já dificultaria um pouquinho a missão do vilão de reuni-las.

4 - Pior prisão

Você esperou até o final dos créditos para saber o que esperar do próximo filme? Provavelmente se decepcionou com o fato de Lex Luthor ter ido para a pior prisão do mundo. Além de ter escapado do local, ele deixou um careca que simplesmente não tinha nada a ver com ele. Como isso foi possível? Batman o colocou numa prisão super segura e o monitorava pessoalmente! Mesmo que ele tivesse mais preocupado em acabar com Lobo da Estepe não se foge de uma segurança máxima com tanta facilidade assim. Pelo menos vimos um pouquinho do visual incrível de Exterminador.

5 - Paradoxo do Ciborgue

Ciborgue revelou que foi transformado em sua forma robótica a partir da tecnologia de um Caixa Materna. Seu pai trabalhava com o artefato adormecido há anos, mas após a morte de Superman ela despertou e foi usada para salvar sua vida. Porém, Batman vê as imagens da transformação desse personagem em Batman vs Superman antes da morte de Clark Kent. Nesse caso nem tem como Flash ter embaralho a linha do tempo.

6 - Os trajes de Flash

Ninguém pode questionar o quanto Flash roubou a cena e tornou o filme divertido, mas ele contém um probleminha em sua origem. Quando Bruce Wayne encontra Barry Allen, o jovem ainda não é um herói. Na verdade, ele tem conhecimento de suas habilidades e sabe explicar cientificamente o que acontece, mas ele não passa de um jovem pobre. Mesmo assim, ele foi capaz de montar um traje de herói com materiais que Bruce Wayne reconhece como muito caros. A pergunta é: como?

7 - Paradoxo do Parademon

Liga da Justiça apresentou os Parademons, um exército de criaturas alienígenas. No começo do filme, Batman luta sozinho contra apenas uma dessas criaturas e demonstra certa dificuldade. Ele até se questiona durante a trama se não está ficando velho demais para ser um herói. Já na cena clímax do filme, ele encara inúmeros Parademons com muito mais facillidade. Batman ficou mais forte do nada? Os parademons ficaram mais fracos? Ou ele simplesmente encontrou uma forma de derrotá-los mais facilmente?

8 - Memória seletiva

Já era esperado que Superman estaria um pouco confuso ao ser ressuscitado, mas a memória seletiva do herói é muito notável. Ele não reconhece Mulher Maravilha e, após o ataque acidental de Ciborgue, identifica todos como inimigos. Ele lembra de sua luta contra Batman, mas não lembra de seu oponente ter salvado sua mãe e por fim, ele lembra seu relacionamento inteiro com Lois Lane. Prioridades.

Qual outro furo de roteiro você percebeu em Liga da Justiça? Você gostou do filme? Conta pra gente nos comentários!


Próxima Matéria
Via   CBR  
avatar Ana Monteiro
Ana Monteiro
Lok'tar ogar! For the Horde! Cresceu com um Mega Drive, um Super Nintendo e muitos desenhos animados. Jornalista, especialista em cinema, violinista, entusiasta de narrativas de fantasia e presença garantida em mesas de RPG. Muito tsunderismo em apenas 1,54 de altura.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest