• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


9 importantes descobertas arqueológicas que mudaram a história do mundo

POR PH Mota    EM História      03/01/17 às 13h58

Desde os primórdios da civilização, a humanidade tenta entender o passado para poder construir melhor o presente o futuro. Por causa disso, questões levantadas sobre achados arqueológicos sempre intrigaram a ciência.

Alguns objetos e construções encontrados por acaso ou depois de muita pesquisa foram muito importantes na história do mundo. Além da função que representavam em sua época, foram essenciais para a compreensão de momentos históricos e para o entendimento do períodos antigos.

Aqui estão algumas das descobertas mais importantes que ajudaram a mudar a história do mundo.

1 - Exército de Terracota

1

Um fazendeiro local da província Shaanxi, na China, estava cavando um poço quando ele descobriu este vasto exército, em 1947. Milhares de guerreiros terracota colocados na frente do túmulo do grande imperador Qin Shi Huang para guardar seu corpo após a vida. Para pesquisadores, a gigante construções e tornou um indício de visões humanistas e progressistas sem precedentes por parte do imperador, já que seis antecessores deveriam enterrar tudo que pudessem precisar no além com eles. Apesar do fato do exército ter sido descoberto há 70 anos, o túmulo do imperador ainda não foi encontrado.

2 - Pergaminhos do Mar Morto

2

Uma grande coleção de manuscritos antigos foi encontrada em vários pontos ao longo da costa noroeste do Mar Marto. Estudos apontaram que os pergaminhos datam de mil anos antes dos mais antigos manuscritos utilizados para o Antigo Testamento. Graças a esses textos, foi possível entender alguns aspectos da vida nos tempos antigos mais remotos.

3 - Inscrição de Behistun

3

A inscrição foi descoberta pelo viajante e explorador inglês Robert Sherley durante uma missão diplomática na Pérsia, em 1598. O conteúdo se trata de um mesmo texto escrito em três línguas e analfabetos diferentes. A mensagem é uma declaração do Rei Dário I e narra eventos históricos que se passaram entre 523 e 521 A.C. Graças ao conteúdo, arqueólogos e historiadores puderam estudar civilizações antigas como Pérsia, Suméria e Mesopotâmia.

4 - Garganta de Olduvai

4

A Garganta de Olduvai é extremamente rica em achados pré-históricos. O local foi descoberto pelo entomologista Willhelm Kattwinkel, em 1911, quando ele caiu ali enquanto perseguia uma borboleta. Três diferentes espécies de hominídeos, incluindo Australopithecus, Homo habilis e Homo erectus foram encontradas na Garganta. Além disso, indícios de hipparions (uma espécie de cavalo de três dedos já extinto) também foram descobertos no local.

5 - Angkor Wat

5

Os mais antigos registros desta gigante construção de pedra datam de 1601. Naquela época, o espanhol Marcelo Ribandeyro esbarrou no templo durante uma jornada pela selva do Camboja. Apesar disso, ele foi incapaz de resolver o mistério de sua origem e o templo permaneceu esquecido por mais de 200 anos. Angkor Wat é o maior monumento religioso do mundo, com uma estrutura repleta de escadas e corredores, com cinco torres e três níveis. O templo é considerado a alma do povo Khmer, o maior grupo étnico do Camboja.

6 - Troia

6

A antiga cidade de Troia, mencionada nos poemas de autores como Homero e Virgílio, foi descoberta na década de 1870 pelo arqueólogo alemão Heinrich Schliemann. Depois da escavação, a história da região antiga foi dividida em diferentes períodos, que vão de Troia I até Troia IX. A cidade considerada inspiração para as histórias Homéricas seria Troia VI, que existiu durante os anos de 1900 e 1300 AC.

7 - Mecanismo Antikythera

7

O mecanismo Antikythera é um dos mais antigos mecanismos computadorizados da história, talvez até mesmo o primeiro na história da computação analógica. Depois de décadas de pesquisa, historiadores determinaram que a máquina deveria mostrar a posição do sol e lua e o movimento de planetas pelo céu, além de previsões de eclipses e eventos chaves da história da Terra. A controvérsia existe por conta da complexidade de um material complexo num período que não parecia ter recursos para isso. Leia mais sobre objetos da história ainda sem explicação da ciência. 

8 - Dente de Denisova

8

Um dente e um osso do dedo de uma forma humana arcaica foram encontrados na Caverna Denisova, na Sibéria. Cientistas acreditam que o achado arqueológico possui mais de 50 mil anos de idade. Após várias investigações, eles concluíram que os fósseis pertenciam a um tipo desconhecido de humano arcaico que viveu na região do Krai de Altai, na Rússia.

9 - Pedra de Roseta

9

A Pedra de Roseta foi uma grande rocha encontrada no Egito, em 1799, e data de 196 A.C. Uma inscrição com um decreto em nome do Rei Ptolomeu V foi inserida na pedra com hieroglifos do egípcio antigo, egípcio demótico e grego antigo. A pedra foi essencial para a compreensão dos hieróglifos egípcios.

Deu pra perceber que alguns achados foram mesmo essenciais para a compreensão da história, não é mesmo? Qual deles você achou mais impressionante?

Próxima Matéria
PH Mota
Jornalista que é um encontro Monty Python e A Praça É Nossa.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+