• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


9 maneiras loucas como as cores afetam seu cérebro

POR PH Mota    EM Ciência e Tecnologia      13/09/17 às 15h02

Nessa altura da vida, você já deve ter reparado que é comum encontrar o mesmo padrão de cores em restaurantes, hospitais e outros tipos de estabelecimentos que apostam nos mesmos tons. Todos nós sentimos os efeitos das cores em nossas vidas, mesmo que a gente não perceba.

A maioria dos psicólogos e teóricos concordam que as cores afetam a forma como percebemos certas situações. Alguns pesquisadores acreditam que nosso cérebro é capaz de conectar cores a sentimentos, enquanto outros defendem que os sentimentos só são associados com as cores a partir de aprendizados.

Por exemplo, as pesquisas ao redor da cor vermelha sugerem que a maioria das pessoas relaciona os tons com perigo. A conexão pode ser feita por conta da forma como nosso cérebro percebe a cor, mas também porque aprendemos logo cedo que devemos fazer essa associação.

Independente da razão, a maioria dos psicólogos acredita que nosso cérebro interpreta as cores de várias formas, o que quer dizer que elas nos afetam de jeitos únicos.

1 - Vermelho

Como já começamos a falar do vermelho na introdução na matéria, vamos abrir a lista com essa cor.

Um estudo conduzido em 2012 descobriu que garçonetes que usavam vermelho recebiam, em média, entre 14,6% e 26,1% a mais de gorjetas pagas por homens em comparação com outras cores. O motivo por trás disso está em algo que certamente você já ouviu: a cor vermelha aumenta a atração física sobre mulheres.

Além disso, um estudo conduzido pela Universidade de Rochester percebeu que quando humanos se deparam com a cor vermelha, suas ações ficam mais enérgicas. O estudo descobriu que a cor aumenta os níveis de ansiedade, o que quer dizer que ser exposto à cor antes de uma prova, por exemplo, pode prejudicar.

Um terceiro estudo, realizado por pesquisadores da Universidade de Chicago, conclui que os consumidores tendem a apresentar comportamentos mais agressivos em leilões pela internet quando os objetos vendidos são colocados sobre a cor vermelha. A tonalidade provoca agressão, então os consumidores disputam com mais vontade pelos produtos. Porém, a teoria só vale para estratégias de leilão. A pesquisa percebeu que consumidores estavam menos dispostos a comprar diretamente objetos com os fundos dessa cor.

2 - Laranja

A cor laranja não é associada com nenhum sentimento, a princípio, mas ainda assim é capaz de nos afetar de várias formas. A cor costuma ser associada com o calor, o que quer dizer que um ambiente pintado nesse tom pode causar percepções de temperaturas mais altas em seu interior. A sensação de calor ajuda a relaxar os músculos e a cor é capaz de provocar o mesmo efeito.

Laranja também está associada à coisas de valor. Lojas com símbolos nessa cor são percebidas como responsáveis por produtos de qualidade, baixo custo e bom serviço. Além disso, a cor também tem uma associação com o perigo, ainda que num nível menor do que o vermelho.

3 - Amarelo

O amarelo costuma estar ligado a sentimentos de felicidade, abertura e amizade. Especialistas em teoria das cores defendem que a cor é a mais forte percebida pelos humanos, o que pode justificar sua relação com auto-estima e criatividade, por exemplo. Será que é por isso que os emojis são amarelos?

Entenda também porque tantos personagens de desenhos animados são amarelos.

4 - Verde

Segundo psicólogos, a cor verde pode ajudar a instigar a criatividade nas pessoas. Eles também descobriram que a cor está associada a pensamentos complexos e pensamentos que provocam foco, relaxamento e calma.

Quando pensamos no verde, pensamos em natureza, plantas e crescimento, o que explica porque assimilamos os sentimentos que a cor causa com desenvolvimento pessoal e profissional. Exatamente por isso, pesquisadores recomendam que espaços destinados a trabalho sejam pintados ou decorados com a cor verde, gerando maior produção.

5 - Azul

O azul costuma ser percebido como o oposto do vermelho. É a segunda cor mais estudada pela ciência e sugere pensamentos de calma e concentração. Tons claros possuem uma tendência a naixar a pressão sanguínea e provocar tranquilidade, o que explica a presença em ambientes destinados a crianças pequenas ou hospitais, por exemplo.

Por conta da relação do azul com a calma, o Japão trocou parte da iluminação pública por luzes de tons azulados e percebeu uma queda em taxas de criminalidade e suicídios em estações de trem. A mesma lógica foi utilizada em Londres, para evitar que as pessoas parassem de pular da ponte Blackfriars.

6 - Roxo

Roxo é uma cor estranha de se analisar, já que é uma mistura do contraste de azul e roxo. Apesar disso, ela não foi objeto de estudo de muitos pesquisadores. Entre os poucos estudos, um deles descobriu que cômodos pintados com essa tonalidade pareciam mais frios do que realmente era, um efeito oposto ao causado pelo laranja. Isso significa que o roxo é capaz de provocar um efeito de tensionar os músculos do corpo, ao invés de relaxar.

7 - Rosa

Em 1979, um estudo analisou os efeitos da cor rosa ao colocar prisioneiros em celas pintadas inteiramente com a cor. Os detentos automaticamente ficavam menos agressivos e com os músculos mais relaxados, com menores índices de cansaço e frustração. Atualmente, 20% das prisões da Suíça possuem ao menos uma cela rosa para a alocação de presos indisciplinados.

Quando o mesmo experimento foi feito com crianças, pesquisadores perceberam que era preciso aguardar apenas dez minutos para que os jovens colocados em ambientes rosas parassem de gritar ou reclamar. Na verdade, a maioria dos participantes chegava até mesmo a dormir nesse tempo.

8 - Branco

Não é surpresa que o branco está associado à paz e falta de agressão, mas também pode estar associado à atração sexual. Um estudo de 2010 descobriu que homens vestindo apenas uma camiseta branca são vistos como mais atraentes por mulheres, da mesma forma que elas são percebidas assim ao vestir vermelho.

Pesquisadores também descobriram que a cor branca pode gerar tédio. Espaços monocráticos com tonalidades brancas tendem a afetar a nossa concentração, fazendo com que a gente se conecte com os pensamentos e crie uma separação com a tarefa que deve ser realizada.

9 - Preto

A cor preta tem alguns efeitos diversos em nossa percepção. Ambientes pretos tendem a provocar melhores resultados em trabalhos e roupas pretas aumentam a atração em mulheres. Porém, o efeito mais interessante da cor é a provocação de agressividade.

Um estudo de 1988 conclui que nós tendemos a ficar mais agressivos quando expostos À cor preta, o que explicaria a relação do tom escuro com morte, maldada e outras coisas negativas. Também foi percebido que as pessoas aceitavam pagar mais por produtos anunciados com a presença marcante da cor preta.

Gostou da discussão sobre cores? Aproveite para conferir outras matérias sobre o mesmo tema, como Qual cor define a sua personalidade?, Será que você consegue encontrar a cor diferente? e Descubra o que sua cor favorita pode dizer sobre sua personalidade.

Próxima Matéria
PH Mota
Jornalista que é um encontro Monty Python e A Praça É Nossa.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+