• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


A mensagem oculta que JLo e Shakira deram para Trump no Super Bowl

POR Cristyele Oliveira    EM Entretenimento      04/02/20 às 22h14

No último domingo, aconteceu, nos Estados Unidos, o maior evento esportivo do país, o Super Bowl. A final do campeonato da NFL (National Football League) é, de longe, o evento que une todos os americanos. Nenhum outro evento tem tanta relevância nacional quanto o Super Bowl. E tradicionalmente, todos os anos, o intervalo do jogo é marcado por um show de grandes artistas, o que já se tornou uma das principais atrações do evento. Já passaram por lá, artistas como Beyoncé, Bruno Mars, Katy Perry, Madonna, Lady Gaga, Justin Timberlake entre outros. Nessa edição, quem comandou o palco do evento foram, nada mais nada menos, do que Jennifer López e Shakira.

Dessa vez, o intervalo do Super Bowl foi carregado de história. Shakira e Jennifer López fizeram uma performance inesquecível, que marcou o evento para sempre. Mas além do show espetacular, as artistas usaram o momento e a visibilidade para fazer um protesto. Sendo duas artistas latinas e do sexo feminino, elas conseguiram deixar uma mensagem e incomodar mais de um supremacista apaixonado pelo futebol americano, e isso inclui o presidente do país, Donald Trump. Não é novidade para ninguém, que o presidente adotou políticas migratórias drásticas, e que não foram ignoradas, nesse momento tão importante para os americanos.

O Show

Para começar, Shakira começou a performance cantando algumas partes de suas músicas em espanhol. Suas palavras ressoaram ao vivo na cidade de Miami, que tem uma enorme quantidade de latinos e também onde predominam ataques racistas relacionados ao idioma latino. Logo mais, outros artistas latinos subiram ao palco. J Balvin e Bad Bunny se uniram à J.Lo e Shakira, em duetos, que a comunidade latina agradeceu nas redes sociais.

Na segunda parte de J.Lo, o idioma espanhol permaneceu protagonista nas músicas "Qué Calor e Mi Gente". Mas o ponto alto da performance foi quando Emme Muñiz, filha de Jennifer, subiu ao palco, para encantar com sua própria luz. Foi nesse ponto, que o show se transformou em uma carta direta a Donald Trump. Isso porque, em determinada parte, a performance mostrou crianças de ascendência latina, saindo de gaiolas, para se juntar à festa a qual todas mereciam participar.

Essa parte foi uma referência direta às políticas anti-migração, impostas pelo presidente americano, desde 2017. Várias dessas políticas incluem a detenção de crianças imigrantes, para separá-las de seus pais. Isso acaba impondo condições sub-humanas a essas crianças e expondo o abuso de autoridade por parte dos Estados Unidos.

Protesto

E finalmente, o show terminou com J.Lo envolta na bandeira dos Estados Unidos, cantando junto da filha, a letra de "Born in the USA". Essa foi uma surpresa para muitos, que não esperavam ver uma camada reversível da artista, mostrando a dualidade de Porto Rico, sua terra natal, e dos Estados Unidos, onde ela mora.

De acordo com dados da Liga Nacional de Futebol Americano, existem cerca de 30,2 milhões de fãs de futebol americano hispânicos no país. E esse número mostra um aumento de dois milhões de fãs, desde 2017.

Até o momento, Donald Trump e seus apoiadores não se pronunciaram a respeito do evento. Mas no geral, as queixas sobre o evento não se referem ao desempenho das artistas. A maioria mostrou insatisfação, qualificando o programa como "muito mexicano".

E você, assistiu ao show das cantoras? Percebeu a mensagem por trás da performance? O que achou? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos.

Próxima Matéria
Via   Vix  
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+