• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Afinal, o horário que você come influencia na perda e ganho de peso?

POR Cristyele Oliveira    EM Ciência e Tecnologia      15/03/19 às 14h33

Por muito tempo, fomos informados de que o ganho de peso estava relacionado somente à qualidade e quantidade dos alimentos que ingerimos associados com o número de calorias que perdemos durante as atividades físicas. E de fato esses são os principais fatores, mas além disso, o seu relógio biológico, metabolismo e digestão também influenciam diretamente no ganho de peso. Ou seja, não é apenas o que você come, mas também quando você come.

Ao saírem da casa dos pais, os jovens adultos geralmente ganham peso. Isso é muitas vezes explicado pela substituição de refeições caseiras por refeições prontas e fast food, combinadas à redução de atividades físicas. Mas os cientistas estão analisando outro suspeito: a interrupção circadiana, ou seja, alteração no ciclo biológico de 24 horas, que tem sido provocada por uma cultura de comer, beber e padrões inconsistentes de sono tarde da noite.

O ganho de peso

O conceito de que a nossa resposta aos alimentos varia de acordo com o período do dia, não é uma descoberta de hoje. Antigos médicos chineses acreditavam que a energia fluía em torno do corpo humano em paralelo com os movimentos do sol, e que as refeições deviam estar de acordo. Por exemplo, entre 7 e 9 horas da manhã era a hora do estômago, quando a maior refeição do dia deveria ser consumida. Já o jantar deveria ser mais leve e consumido entre 17 horas e 19 horas, quando a função renal predominava.

Mesmo que cientificamente essa explicação seja diferente, a ciência moderna sugere que essa ideia da sabedoria antiga faz muito sentido.

A maioria das dietas para a perda de peso é focada na redução do número total de calorias consumidas, mas e se o momento das refeições potencializasse o emagrecimento? Quando mulheres com sobrepeso e obesas foram submetidas a uma dieta por três meses, aquelas que consumiram a maior parte das calorias diárias no café da manhã, perderam duas vezes mais peso do que aquelas que se alimentaram de forma mais leve no café da manhã, e comeram mais no jantar, mesmo que todas elas consumiram a mesma quantidade de calorias.

Muitas pessoas podem pensar que a razão de se ganhar mais peso ao comer tarde da noite é por não haver nos movimentação durante o sono e que por isso não estaríamos queimando calorias. Porém, não é bem assim. "As pessoas às vezes assumem que nossos corpos param durante o sono, mas isso não é verdade", explica Jonathan Johnston, da Universidade de Surrey, um dos pesquisadores que está estudando como nossos relógios corporais interagem com os alimentos.

As causas

Algumas evidências iniciais sugerem que mais energia é usada para processar uma refeição quando é ingerida pela manhã, se comparado a uma refeição no final do dia. Sendo assim, você queima um pouco mais de calorias se comer mais cedo.

Outra possibilidade está ligada ao fato de que comer tarde da noite amplie o caminho geral pelo qual a comida é consumida. Isso reduz o tempo com que o nosso sistema digestivo leva para se recuperar e reduz a capacidade do nosso corpo de queimar gordura. Isso porque a queima de gordura só ocorre quando os órgãos percebem que não há mais comida para ser digerida.

A qualidade do sono é outro fator que pode nos tornar mais propensos a ganhar peso. O sono desregulado dificulta a tomada de decisões e o autocontrole, potencialmente levando à más escolhas alimentares, além de perturbar os níveis dos "hormônios da fome", aumentando o apetite.

Pelo visto, os nossos ritmos biológicos estão diretamente ligados à nossa digestão e metabolismo de várias formas, e eventualmente, ao ganho de peso.

E você, tem se alimentado nos horários certos? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos.

Próxima Matéria
Via   BBC  
Imagens BBC Vix
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+