• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Afinal, qual é a droga mais perigosa do mundo?

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      02/05/19 às 18h47

O questionamento sobre qual seria a droga mais perigosa do mundo pode parecer algo simples. Muitas pessoas diriam que a resposta se trata daquela com maior potencial para matar. Mas acontece que, para responder isso, existem vários fatores a serem analisados. Por exemplo, o que significa mais perigosa nesse sentido? A droga que mais faz mal ao usuário ou a que mais faz mal à sociedade no geral?

Essa pergunta levanta um caloroso debate, que vai muito além da parte científica e envolve aspectos sociais e culturais complexos. A maioria das pessoas tende a acreditar que as drogas ilegais são muito mais perigosas do que as legais. Mas esse não é um argumento tão sólido se levar em consideração, uma vez que a legalidade, ou não, do uso de determinadas substâncias varia de país para país. Contudo, um estudo buscou responder essa pergunta analisando as diversas variáveis e a resposta pode ser uma surpresa para alguns.

O estudo

O estudo foi realizado pelo Comitê Científico Independente sobre Drogas. David Nutt, professor de neuropsicofarmacologia,do Imperial College London, foi quem conduziu a pesquisa.

A primeira etapa da pesquisa consistia em definir o que é "perigoso" nesse caso. Para isso, os pesquisadores definiram 16 parâmetros de dano divididos em termos de efeitos diretos e individuais da droga ao usuário. Por exemplo, um efeito direto de uma droga em uma pessoa pode ser a morte por overdose ou infecção de doenças por uso de seringas contaminadas.

Foi levado também em consideração o efeito da droga nas pessoas próximas ao indivíduo e na sociedade em geral. A lista de parâmetros incluía a probabilidade de mortalidade, dependência, comprometimento mental, perda de fatores socioeconômicos, lesões físicas e atividades criminosas.

"Classificar vinte drogas diferentes em dezesseis danos diferentes - esse é o melhor método que tivemos", disse Nutt à IFLScience. "Em um sentido mais geral, os efeitos prejudiciais das drogas poderiam ser divididos em duas grandes categorias: danos a outros e danos aos usuários".

A droga mais perigosa

Levando todos esses fatores em consideração, desde o dano direto ao usuário ou a sociedade em geral, o álcool foi considerado o mais perigoso entre todas as drogas. Em seguida, veio a heroína e o crack, principalmente pelos danos causados aos usuários individuais. A cannabis ficou em 8º lugar pelo dano global, enquanto o ecstasy e o LSD foram considerados os menos prejudiciais. A cocaína ficou em 5º lugar, seguida pelo tabaco.

Então, de acordo com o estudo, o álcool é a droga mais perigosa que existe. O resultado pode ser uma surpresa para algumas pessoas, já que se trata de uma droga legal. O fato é que álcool é o responsável direto por uma infinidade de doenças, desde distúrbios cardiovasculares e neurológicos, até a degeneração do fígado. Além de ser o causador indireto de muitos acidentes de trânsito. O álcool também aumenta as atividades promíscuas e a probabilidade de se contrair doenças. E também causa um enorme impacto na economia do país, já que é responsável por canalizar o tratamento de pessoas que sofrem de problemas vinculados ao seu uso.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), estima-se que 3,3 milhões de pessoas morrem por ano no mundo em decorrência do uso nocivo do álcool. Isso significa um total de 5,9% de todas as mortes por ano. Mas independente disso, é bom lembrar que todas as drogas são perigosas em algum grau.

E você, o que achou desse resultado? Concorda com os pesquisadores? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos.

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+