icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Além de Harry, conheça príncipes e princesas que abandonaram a realeza

POR Bruno Dias EM Curiosidades 14/01/20 às 20h46

capa do post Além de Harry, conheça príncipes e princesas que abandonaram a realeza

Família Real Britânica está entre as mais comentadas, populares e importantes do mundo. Ela ocupa o topo das famílias reais mais famosas de todos os países. E possui ainda os bens mais preciosos, como terras, castelos e até mesmo leis que só se aplicam a eles. Pessoas do mundo inteiro viram seus olhos para eles, quando algo acontece por lá. E todos os olhos se viraram para essa família, recentemente, por causa do príncipe Harry e de Meghan Markle.

O filho mais novo do príncipe Charles e sua esposa abdicaram do posto de membros seniores da Família Real Britânica. No dia oito de janeiro de 2020, o duque e duquesa de Sussex anunciaram, através sua conta do Instagram, a decisão que tomaram. No comunicado, o casal disse ao mundo, sua intenção de se tornar financeiramente independentes e de dividirem o seu tempo, entre o Reino Unido e os Estados Unidos.

Nesse comunicado dos dois, o casal disse que planeja "construir gradualmente um novo papel dentro desta instituição". Eles disseram que a decisão foi tomada depois de meses de reflexão e discussões internas.

Harry e Meghan

"Nossa intenção é deixar de sermos membros seniores da família real. E trabalhar para ser financeiramente independentes. Ao mesmo tempo em que continuamos apoiando totalmente Sua Majestade, a Rainha", afirmaram.

No dia 13 de janeiro, a rainha Elizabeth II convocou uma reunião com os integrantes da família real, inclusive Harry, para que eles pudessem discutir qual seria o impacto da decisão do casal na família. Quando a reunião acabou, a rainha assinou um comunicado, dizendo que a família apoiava totalmente a decisão de Harry e Meghan.

"Embora nossa preferência seria de que eles dedicassem todo seu tempo trabalhando como membros da Família Real, respeitamos e entendemos seu desejo de viver uma vida mais independente em família. Enquanto permanecem sob os valores da minha família", disse o comunicado.

Além deles, outros casos já aconteceram de pessoas que abriram mão de suas obrigações.

Lady Patricia Ramsay

Ela era neta da rainha Victoria. E inclusive, se casou, em 1919, com o comandante da marinha Alexander Robert Maule Ramsay, um plebeu. Por causa do seu casamento, ela abriu mão do seu título de princesa da Grã-Bretanha e Irlanda. Ela viveu o resto da sua vida como Lady Patricia Ramsay.

Sayako Kuroda

A mulher era conhecida como Sayako, princesa Nori. Mas ela teve que desistir de seus títulos reais e status, quando ela se casou com Yoshiki Kuroda. O homem é um urbanista do governo de Tóquio, em 2005. Com seu casamento, ela foi a primeira integrante da família real japonesa a perder seu posto. A mulher atualmente é sacerdotisa-chefe do santuário Ise.

Príncipe Friso

O filho caçula do rei holandês Willem-Alexander, XXI príncipe Friso, renunciou a sua sucessão ao trono, quando se casou com Mabel Wisse Smit, em 2004. A renúncia foi por causa da suposta ligação, que ela teria tido com o famoso traficante holandês, Klaas Bruinsma, em 1989.

Ayako Moriya

Ayako é filha de Norihito, príncipe Takamodo, e Hisako, princesa Takamado, do Japão. Basicamente, ela foi obrigada a renunciar de seus títulos e privilégios, quando se casou com o empresário, Kei Moriya, em 2018. Ela ainda recebeu 950 mil dólares do governo japonês.


Próxima Matéria
Via   MSN     BBC  
Imagens MSN
avatar Bruno Dias
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest