• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Americano insere chave do Tesla 3 em sua mão

POR Erik Ely    EM Ciência e Tecnologia      28/12/19 às 13h14

Imagine como seria mais fácil, abrir a porta do seu carro apenas com sua mão. Sem ainda, que seja necessário utilizar a impressão digital, sem botão ou chave. Pode parecer improvável, mas foi o que Ben Workman fez para "facilitar" sua vida. Através de uma cirurgia, o americano inseriu a chave do Tesla 3 em sua mão.

Para quem não o conhece, Ben Workman possui diversos dispositivos, inseridos cirurgicamente em sua mão. Contudo, o que mais chama a atenção nesse "homem-Canivete", é o fato de ter inserido uma chave do seu carro em sua mão, um Tesla Model 3.

Um pouco diferente do que esperávamos da tecnologia

De acordo com uma reportagem, realizada para o canal, Fox 13, Ben Workman teve dificuldades para encontrar alguém para realizar a operação. Ou seja, ele precisou procurar em todo tipo de lugar, até finalmente encontrar alguém que toparia participar de seu projeto. Desde médicos, estúdios de piercing e tatuagem, e até veterinários, que o recusaram no começo. Depois disso, o americano precisou ser muito insistente, para convencer um estúdio de piercing a inserir o "chip RFID" de seu carro, em sua mão.

Apesar do árduo processo para conseguir realizar o procedimento, a chave do Tesla Model 3 não é o único dispositivo, inserido nas mãos de Workman. Além das chaves de seu carro, ele também passou por cirurgias para colocar as chaves do seu trabalho, da sua casa e um dispositivo para fazer login em seu computador. Tudo com apenas um toque.

Na entrevista, o americano garante que as cirurgias são extremamente simples. Dessa forma, os dispositivos "instalados" em sua mão não machucam de forma alguma. Além disso, ele ainda afirma que as operações tornaram sua rotina muito mais fácil e prática. Com isso, ele não precisa mais se preocupar com um possível esquecimento das chaves de seu carro. Mas será que outras pessoas estariam dispostas a passar pelo procedimento também?

Ele não é o único a realizar o procedimento

Antes de Workman, a hacker norte americana, Amie DD, também passou pela cirurgia em sua mão. De acordo com Amie, ela se identifica como uma "engenheira, programadora de videogames e apaixonada por tecnologia". Sendo tão apaixonada por tecnologia, que também colocou a chave de um Tela Model, 3 em sua mão.

A princípio, Amie tentou copiar as informações do cartão, para um chip RFID, que ela já possuía no braço. Mas não obteve muito sucesso nessa "cirurgia". Com isso, ela decidiu dissolver o cartão em acetona e encapsular o chip e a antena, em um biopolímero. Dessa forma, ela poderia impedir que a região fosse atacada por anticorpos. Além disso, a cirurgia foi realizada com uma agulha de calibre mais grosso que o normal, sendo encontrada apenas em uma loja, especializada em modificações corporais.

Por fim, a ideia funcionou. Embora Amie admita que "o alcance não é dos melhores", seu braço precisa estar a pelo menos 2,5 centímetros do receptor. Com o tempo, ela espera que o inchaço no local diminua e assim, o alcance do dispositivo melhore. Mas e aí, o que acontece se Amie ou Workman trocarem de carro? Eu espero que os dois estejam, de fato, muito satisfeitos, com o Tesla Model 3, e não pensem em trocar de carro tão cedo.

Próxima Matéria
Erik Ely
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+