• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Animal que não precisa de oxigênio para sobreviver é descoberto

POR Diogo Quiareli    EM Ciência e Tecnologia      27/02/20 às 16h07

Precisamos de várias coisas para sobrevivermos. Os animais não são diferentes. Precisamos nos alimentar e, nessa alimentação, é preciso ter determinados tipos de vitaminas, água, que é o mais importante, minerais e diversos outros nutrientes. No entanto, uma coisa essencial para a vida é o oxigênio. Esse é um elemento químico que faz com que possamos respirar e manter o nosso organismo funcionando da forma correta. Já pensou como seria se pudéssemos sobreviver sem isso? Conseguiríamos passar dias embaixo da água, estudando diversas partes do oceano onde não fomos. Poderíamos explorar cavernas com o espaço bem pequeno, a fim de encontrar coisas novas.

Até então, não tínhamos informações de animais ou qualquer outro ser vivo que pudesse sobreviver sem oxigênio. Cientistas do mundo inteiro trabalharam em busca de coisas desse tipo. Recentemente, uma notícia pegou todos de surpresa: conseguiram encontrar o primeiro animal que não precisa de oxigênio para sobreviver. Estudiosos, de várias partes do mundo, voltaram suas atenções para o caso, que pode avançar várias pesquisas já existentes e dar um pontapé em novas. Pensando um pouco melhor sobre isso, resolvemos trazer mais informações dessa descoberta. Confira conosco a seguir e surpreenda-se. Já compartilhe com seus amigos.

Animal que não precisa de oxigênio para sobreviver foi descoberto

Os pesquisadores, da Universidade de Tel Aviv, divulgaram uma descoberta incrível. Essa é capaz de mudar alguns dos preceitos básicos sobre o reino animal. O estudo foi publicado na revista científica PNAS. Ele foi ainda liderado pela bióloga Dorothee Huch. De acordo com os resultados, Henneguya salminicola, um parasita que vive nos músculos de salmões é capaz de sobreviver sem respirar oxigênio. Essa descoberta foi feita enquanto os pesquisadores estavam sequenciando o genoma de parasitas da classe Myxozoa. Nesse estudo, H. Saminicola faz parte.

Foi dessa forma, que a equipe notou que o pequeno organismo, com menos de 10 células, não possuía um material mitocondrial. A mitocôndria, para quem não sabe, é a "usina" das nossas células. É ela quem captura oxigênio para gerar energia. Sua ausência indica que esse animal não está respirando o gás. Apesar de os especialistas ainda não terem a certeza, eles acreditam que esse comportamento se deve ao fato do animal ter se adaptado ao ambiente em que vive. Isso porque o local é anaeróbico, ou seja, não possui oxigênio.

O que ainda se especula é como esse parasita consegue gerar sua própria energia. "Pode ser extraindo das células de peixes ao redor ou pode ter um tipo diferente de respiração. Algo como a respiração livre de oxigênio que normalmente caracteriza organismos anaeróbicos não-animais", sugere Huchon. A descoberta foi um grande avanço e ficaremos de olho em mais novidades sobre.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Vale lembrar que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento. Aproveite para fazer um tour pelas curiosidades do nosso site.

Próxima Matéria
Via   Revista Galileu  
Imagens Phys Alcolina
Diogo Quiareli
Geminiano, 26 anos, goiano. Amante de música pop, fã de Katy e Luan.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+