icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


As 10 melhores aberturas de anime da sua infância

POR A redação EM Entretenimento 10/09/15 às 19h03

capa do post As 10 melhores aberturas de anime da sua infância

Se você nasceu nas décadas de 80 e 90, certamente assistiu a pelo menos um anime ao longo da vida. Os famosos desenhos japoneses se tornaram uma verdadeira febre no Brasil nesta época, em especial devido às transmissões da extinta TV Manchete, que trouxe para o país sucessos como Cavaleiros do Zodíaco e Yu Yu Hakusho. A partir daí, foi um sucesso atrás do outro até chegar ao ápice, com Dragon Ball Z - talvez o maior sucesso do Brasil.

Com características marcantes, os animes são muito elogiados pela qualidade de seus personagens, que estão sempre no foco das histórias. Os traços também não deixam a desejar (bom, os fãs de Dragon Ball Super podem não concordar), bem como as tramas, que, mesmo quando são simples, são capazes de emocionar.

E o que dizer das aberturas? Especialmente depois de tantos anos, elas também podem emocionar (e muito). Prepare sua nostalgia e relembre 10 aberturas de animes que você certamente já assistiu e sente muita falta!

Beyblade

[embed]https://youtu.be/-PQRtq_xddM[/embed]

O início dos anos 2000 pode ser resumido em duas palavras: Yu-Gi-Oh! e Beyblade. Os animes deixaram a TV e invadiram as escolas, em uma febre que se espalhou rapidamente por todo o país. O anime dos peões foi lançado no Japão em 2001, pelo estúdio MadHouse (que mais tarde seria o responsável por Death Note e a nova versão de Hunter X Hunter). No Brasil, o desenho chegou no ano seguinte, pela extinta Fox Kids. Mas foi quando começou a ser transmitido pela Globo que o sucesso explodiu.

A trama gira em torno de Tyson Granger e seus amigos,  que competem com outras equipes de Beyblades em um mundo onde os peões são usados em intensas competições, com direito a feras digitalizadas. Aposto como você se lembra da abertura! Aproveite e tire sua beyblade da gaveta! Você vai pro chão, e então!

Hunter X Hunter

[embed]https://www.youtube.com/watch?v=i4LRgNxJuzA[/embed]

O anime, criado por Yoshihiro Togashi (Yu Yu Hakusho) só chegou ao Brasil em 2006, pela RedeTV!, ainda que tenha sido lançado em 1999 no Japão. A trama acompanha a vida de Gon Freecss, um aspirante a Hunter que deseja seguir os passos do pai desaparecido. Logo na primeira fase do anime, o carismático personagem se torna amigo de Leorio, Killua e Kurapika, formando um dos quartetos mais amados pelos fãs (vale uma menção honrosa ao maravilhoso Hisoka).

A abertura é bem fofa, e ainda hoje emociona muito marmanjo por aí. O passado acaba aqui. Vale a pena lembrar que o anime teve uma segunda versão lançada em 2011 pelo estúdio MadHouse - com aberturas igualmente marcantes. Vale muito a pena assistir.

Shaman King

[embed]https://www.youtube.com/watch?v=dLSrA2BgmKs[/embed]

Ele vai vencer! Shaman King chegou ao Brasil em 2002 pela Fox Kids e logo se tornou o novo queridinho dos fãs de animes. A história acompanha Yoh Asakura, um garoto xamã que treina para se tornar o Rei Xamã, por meio de um torneio. O mangá, criado por Hiroyuki Takei, foi o primeiro a abordar o tema xamanístico. De resto, ele é um shounen como qualquer outro, com direito a muitos personagens carismáticos, um objetivo distante a ser alcançado e, claro, uma abertura que deixou muita saudade! Uma estrela morre e outra toma o seu lugar!

Medabots

[embed]https://www.youtube.com/watch?v=E_UbP463wrQ[/embed]

Quem lembra deste? Medabots é um anime criado em 2000 que narra as aventuras de Ikki Tenryou e seu medabot Metabee (uma espécie de robô de estimação). Assim como Pokémon, Medabots foi, originalmente, um game lançado para Game Boy que foi parar na TV. No Brasil, o anime chegou pela Fox Kids em 2001, mas também foi transmitido pela Globo (saudades TV Globinho).

O sucesso foi imediato, e os robozinhos da série foram parar em todo lugar. O anime teve apenas 52 episódios e foi encerrado no Japão com um ano de duração, mas a abertura ficou para sempre. É muito meta pra pouca música!

InuYasha

[embed]https://www.youtube.com/watch?v=RE8LlNWYKxQ[/embed]

O clássico InuYasha chegou ao Brasil em 2002 pelo Cartoon Network, no querido bloco Toonami. O anime, que foi lançado em 2000, acompanha a vida de Kagome Higurashi, uma estudante de 15 anos que, enquanto procura por seu gato, é puxada para dentro de um poço que a leva direto para o período feudal do Japão. Como se não bastasse, Kagome ainda se envolve em uma trama de youkais - ou demônios. InuYasha é um deles, mas estava selado há mais de cinquenta anos, até ela o libertar.

Mesmo não chegando a TV aberta na época, o anime fez muito sucesso, e os personagens ainda hoje são lembrados com muito carinho - como não amar Sesshoumaru? A abertura mostra bem a relação entre os personagens, e certamente deixou saudades pela letra cheia de esperança.

Yu-Gi-Oh!

[embed]https://www.youtube.com/watch?v=Akzba3ubOmI[/embed]

Como já foi dito, o início dos anos 2000 foi marcado pelo sucesso de Yu-Gi-Oh! O anime, que foi lançado em 1998 no Japão, estourou no Brasil quando foi exibido pela saudosa TV Globinho. As cartinhas eram vistas em todas as bancas do país, e ainda hoje o jogo é um dos mais jogados em todo o mundo. Este certamente foi um dos casos em que o anime não se limitou apenas à TV e realmente invadiu a vida dos fãs.

A primeira versão do anime gira em torno de Yugi Muto, um estudante adolescente que, na posse de um artefato milenar, desperta um espirito dentro de seu corpo com a personalidade de um jogador lendário. A abertura, mesmo sem letra, trás de volta muitas lembranças de uma época boa que, infelizmente, não volta mais!

Pokémon

[embed]https://www.youtube.com/watch?v=-PlAg8R9TG4[/embed]

Pokémon chegou ao Brasil em 1999 pelo Cartoon Network e, pouco depois, também pela Rede Record. Baseado na série de jogos do mesmo nome, o anime acompanha a vida de Ash Ketchum, que tem o sonho de se tornar um Mestre Pokémon. Na verdade, não é preciso dizer muito sobre o anime, que é exibido até hoje e você certamente conhece a história. Afinal, já são quase vinte anos de exibição!

Apesar de ser muito criticado hoje pela falta de novidade em seu enredo, as primeiras temporadas do anime ainda são aclamadas, e fazem o maior sucesso - Netflix que o diga. Quem não sente falta das aventuras de Ash, Misty e Brock? Atualmente o anime está em sua fase XY, na sexta geração de monstrinhos.

Dragon Ball GT

[embed]https://www.youtube.com/watch?v=Kxs6ijgIAHg[/embed]

Mesmo com a crítica negativa, Dragon Ball GT, exibido pela Globo e pelo Cartoon Network, teve uma das aberturas mais lindas de toda a série. E não poderia ser diferente, dado o carinho que o anime (especialmente no Brasil) sempre deu às músicas de abertura. A trama acompanha a viagem de Goku (de novo uma criança), sua neta Pan e o filho de Vegeta, Trunks, em uma busca intergalática pelas Esferas do Dragão.

A história é bastante criticada (talvez pela falta de participação de Akira Toriyama), e não fez muito barulho por aqui. Felizmente (para alguns), toda a trama foi desconsiderada do cânone oficial da série. Ainda assim, a abertura ficou marcada para sempre, e será para sempre lembrada. Aposto como você já esta cantando.

Dragon Ball Z

[embed]https://www.youtube.com/watch?v=7yg0GjtEEQ0[/embed]

Nossa, difícil escolher uma só. Todas as aberturas de Dragon Ball Z ficaram marcadas na memória dos fãs do anime, que foi lançado em 1996 no Japão, depois do sucesso de seu antecessor, Dragon Ball. No Brasil, a série demorou um pouco mais para chegar, mas foi um sucesso instantâneo por aqui, em especial quando foi transmitida pela TV aberta. A trama acompanha a vida de Goku a partir do momento que ele descobre sua verdadeira origem - fato que acontece com a chegada do irmão perdido, Raditz.

Foram quatro grandes sagas que dividiram o anime, que teve mais de 200 episódios: Saiyajins, Freeza, Cell e Majin Boo, além de uma versão remasterizada (sem fillers) que começou a ser exibida em 2011 - Dragon Ball Kai. Em 2015, depois de 20 anos, uma nova fase do anime foi lançada, nomeada de Dragon Ball Super.

Cavaleiros do Zodíaco

[embed]https://www.youtube.com/watch?v=WCV74ZtLx6I[/embed]

SAINT SEIYA! Não poderia ser outra. O anime é o mais antigo da lista (foi exibido em 1994 pela TV Manchete), e é difícil encontrar uma abertura que foi tão boa quanto esta. Durante muito tempo a banda Angra fez sucesso com a música tema, que é indispensável em qualquer evento de anime. A história você conhece: Seiya e seus amigos devem defender a deusa Athena, enquanto atravessam o Santuário, defendido pelos 12 cavaleiros de Ouro. Claro, esta é apenas a primeira fase do anime, que ainda incluí uma passagem por Asgard e até pelo Inferno.

O anime já foi exibido várias vezes no Brasil, em diferentes canais (clássico é assim). Depois de algumas versões paralelas, uma nova fase focada nos doze cavaleiros de ouro está sendo produzida pela Toei desde abril de 2015. Soul of Gold pode não ser tão bom quanto as temporadas clássicas, mas serve para matar a saudade, assim como esta abertura!


Próxima Matéria
avatar A redação
A redação
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest