icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Esse asteroide tem uma probabilidade de entrar na atmosfera na véspera das eleições dos EUA

POR Erik Ely EM Curiosidades 07/09/20 às 19h21

capa do post Esse asteroide tem uma probabilidade de entrar na atmosfera na véspera das eleições dos EUA

Nos próximo meses, as eleições americanas tomarão conta dos noticiários e das discussões em grupos de amigos. Dessa forma, até a terça-feira de três de novembro, o mundo continuará se perguntando: quem será o próximo presidente dos Estados Unidos. Contudo, outro evento que acontecerá na véspera das eleições dos EUA também vem chamando a atenção. Isso porque, de acordo com cientistas, o asteroide chamado 2018VP1 irá se colidir com a Terra nesta data.

De fato, se pararmos para pensar, este é apenas mais um evento no meio de tudo que vem acontecendo em 2020. Mas, o asteroide, para muitos, é tido como um sinal dos céus para o que as eleições americanos aguardam para nós. Assim, próximo ao final do ano, esta pode ser a cereja do bolo de 2020.

Esse asteroide foi descoberto há dois anos

Bem como seu nome sugere, o 2018VP1 foi descoberto em 2018, quando se encontrada há uma distância de cerca de 450.000 quilômetros da Terra. Dito isso, o asteroide passou os últimos dois anos orbitando nosso planeta. Além disso, felizmente, esse foi um dos asteroides que puderam ser percebidos antes de se colidirem com a nossa atmosfera.

Atualmente, o 2018VP1, que é um asteroide de classe Apolo, se encontra a 4.994,76 quilômetros da Terra. Sendo assim, ainda que distante para distâncias terrenas, em termos espaciais, isso é bastante próximo. Também vale lembrar que asteroides pertencentes à classe Apolo possuem uma órbita que se cruza com a órbita do nosso planeta. No entanto, ainda que isso se concretize no dia dois de novembro, ele não necessariamente irá representar uma ameaça.

De acordo com cálculos dos pesquisadores da NASA, a chance de colisão no dia 02/09 é pequena, sendo de 1 em 240 ou 0,41%. "O asteróide 2018VP1 é muito pequeno e aproximadamente 6,5 pés não representa uma ameaça para a Terra! Atualmente, ele tem 0,41% de chance de entrar na atmosfera do nosso planeta", afirma a NASA Asteroid Watch. "Mas, se o fizesse, se desintegraria devido ao seu tamanho extremamente pequeno", completa a NASA.

Entendendo um pouco mais dos riscos do asteroide para as eleições

Para termos uma melhor ideia do tamanho do asteroide, ele pode ser comparado a um carro pequeno. Ou seja, com quase dois metros. Nesse sentido, asteroides desse tamanho acabam queimando antes de se colidirem com a Terra. De toda maneira, ainda que os cientistas tenham se enganado com o tamanho do asteroide, ainda temos alguns caminhos para nos proteger de possíveis riscos. Além disso, a NASA e outras agências espaciais ao redor do mundo estão trabalhando para melhorar o sistema de detecção desse tipo de objeto. Quem sabe, em um futuro não muito distante, já poderemos desviar de objetos como esse do curso da Terra.

Felizmente para alguns, ou infelizmente para outros, o asteroide não deve atrapalhar o curso das eleições presidenciais nos Estados Unidos. Nos últimos meses, notícias como essas têm nos deixado com mais medo do que precisamos ter, e claro, com muitos motivos. Podemos afirmar que 2020 tem sido um ano e tanto. Mas, ao menos, até o momento, não temos que adicionar um "asteroide mortal" à retrospectiva desse ano. Pelo menos, ainda não.


Próxima Matéria
avatar Erik Ely
Erik Ely
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest