• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Catnip, a erva que deixa gatos dopados

POR Arthur Porto    EM Natureza      04/11/19 às 19h33

Catnip, para quem não sabe, é aquela erva que deixa os gatos em um estado de ecstasy. Em suma, a erva estimula o instinto predador de quase todos os felinos, inclusive leões, pumas, onças e panteras.

Comum na América do Norte, a Catnip é inofensiva aos bichanos, mesmo deixando-os um poucos, digamos, "altos". A reação, em síntese, acontece quando os felinos mordem, mastigam, esfregam ou rolam sobre a erva. Devido a tal contato, a Catnip libera uma essência que deixam os bichanos agitados e em alerta.

Nos seres humanos, não causa nenhum efeito, por esse motivo, fica difícil entender como é que se dá este tipo de reação. Além disso, tal reação é comum nestes animais devido ao olfato. Como temos o olfato muito aflorado, somente os felinos podem desfrutar dessa "viagem". O efeito dura poucos minutos e os gatos logo se recompõem. Mas, afinal, o que causa todo esse furdunço?

A erva

Em suma, a Catnip (Nepeta cataria) pertence à família Lamiaceae. Nesse ínterim, a família Lamiaceae contém, aproximadamente, 258 gêneros e 7193 espécies. Só o Brasil é detentor de 23 dos 258 gêneros e 232 das 7193 espécies, uma biodiversidade respeitável.

Tal família é conhecida também como "Família Menta" (ou família de hortelã), que inclui ervas aromáticas, como, por exemplo, alecrim, sálvia, orégano e manjericão. Além de pertencerem à mesma família, essas plantas possuem algo em comum. Sabe o que é? A substância química nepetalactone.

Embora não se saiba exatamente o que acontece no cérebro dos gatos, especialistas acreditam que tal substância é a responsável por desencadear toda a brisa nos gatos. Mas, atenção, não é sempre que as plantas causam tal "onda" nos gatos.

De acordo com Jim Simon, professor de biologia e co-diretor do departamento de Ciências e Inovação na Universidade Rutgers, em New Brunswick, Nova Jersey, "quando você compra catmint [outra planta que atrai gatos da família Lamiaceae] ou catnip de um viveiro, geralmente, são híbridos vendidos para fins ornamentais. Ou seja, não atraem gatos porque têm muito pouco nepetalactone".

Ainda de acordo com o professor, existem outros compostos presentes na erva que são semelhantes à substância e alguns podem até estimular uma resposta por conta própria. Entretanto, para Simon, a nepetalactone é a mais forte.

Os gatos são atraídos pelo odor de tal substância, que produz um comportamento que parece eufórico. Ainda de acordo com Simon, superficialmente falando, o efeito é semelhante ao de alguns entorpecentes utilizados por nós. "Eles se divertem e ficam agitados, ficam empolgados e depois dormem. Mas não há, por exemplo, como mostrar que o Catnip age da mesma maneira, que a maconha ou a cocaína", explica.

Onda leve

Embora os gatos abusem a Catnip, os cientistas não podem dizer com certeza os efeitos que a planta ocasiona no animal. No entanto, alguns estudos mostraram que, quando os gatos entram em contato com tal substância, o efeito passa rapidamente.

Além disso, nem todos os gatos respondem à erva. Muitos são suscetíveis. Estima-se que somente 50% da população felina ache essa planta excitante ou interessante.

"Acreditava-se que cerca de dois terços dos gatos adultos respondiam aos efeitos da planta", diz Simon. Em contrapartida, um estudo, publicado em 2017 na revista Behavioral Processes, sugere que alguns gatos podem exibir uma resposta menos ativa.

"Eles assumem o que é chamado de posição da esfinge e vocalizam menos", explica o professor.

Próxima Matéria
Arthur Porto
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+