• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Ciência diz que amigos ''cruéis'' são os melhores

POR Cristyele Oliveira    EM Ciência e Tecnologia      19/08/19 às 15h21

Todo mundo tem vários tipos de amigos. E, na verdade, isso é que é bom na amizade, a diversidade e pluralidade de pessoas em nossas vidas. Temos aqueles amigos que são muito parecidos com nós, que gostam das mesmas coisas, e compartilham das mesmas opiniões. Tem também aqueles que são completamente o nosso oposto, mas nem por isso deixam de ser nossos amigos. Temos aqueles amigos tipo mãe, que cuidadosos. Tem também os que nos dão bronca, quando fazemos coisas erradas. E há aqueles que estão sempre passando a mão em nossas cabeças, mesmo quando estamos errados.

É nessa hora que você se pergunta, qual são os seus melhores amigos? Aqueles que sempre dizem coisas boas ou aqueles que dizem coisas cruéis, porém necessárias? Muita gente diria que os que dizem coisas agradáveis são os melhores, mas segundo a ciência, não é bem assim. E se você parar para pensar faz muito sentido.

Na vida, nem sempre estamos certos, e precisamos de alguém para nós dizer isso. Mesmo que não seja algo bom de se escutar. Os amigos tidos como "cruéis", muitas vezes, são vistos como maldosos. Mas há uma enorme diferença em maldade e dizer a verdade. Embora pareça que eles não nos amem, esse comportamento pode indicar que eles sim amam você, e te valorizam, por isso, fazem isso. Porque alguém que não se importa realmente com você vai te dizer qualquer coisa que você queira escutar só para se sentir melhor. Mesmo que isso não seja o melhor para você.

Melhores amigos

De acordo com um estudo, publicado na Psychological Science, aqueles amigos que são considerados rudes e cruéis com você, são os melhores. Isso porque eles fazem isso justamente por serem honestos e se preocuparem realmente com o seu bem-estar. Outra característica desse tipo de amigo é que eles nunca têm medo de confrontos.

Assim, eles podem te dizer quando as coisas estão erradas. Por exemplo, é possível que eles lhe digam que o seu parceiro não combina com você ou que te faz mal. Ou também te dar sermão por beber demais ou fazer coisas que lhe fazem mal. Eles geralmente estão dispostos a confrontá-lo e até mesmo lutar com você, contando que você fique bem.

O estudo explica que "a emoção negativa nesse caso ajudará a atingir algum objeto", que, no caso, seria fazer a pessoa parar com comportamentos autodestrutivos, por exemplo.

Maus amigos

No entanto, o estudo salienta que não é necessário que os seus amigos tirem proveito disso de alguma forma. É importante identificar se eles fazem isso porque realmente se importam com você, ou se é apenas uma forma de se sentir superior.

Além disso, o estudo afirma ainda que a emoção que esses amigos querem despertar, na pessoa afetada, é a raiva, o que lhe daria forças para seguir em frente. Então, caso você tenha esse tipo de amigo, primeiro identifique se ele faz isso para te ajudar ou apenas para alimentar o próprio ego. Caso veja que alguém está na sua vida sendo a segunda opção, convença-se de que definitivamente é um mau amigo. Uma forma de identificar isso é refletindo se essa pessoa ganha alguma coisa fazendo isso ou não.

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+