icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Como é a vida no país que é governado por 3 presidentes?

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      13/12/19 às 20h01
capa do post Como é a vida no país que é governado por 3 presidentes?

Imagine só, um país, com três etnias e três presidentes, representando cada uma delas? Não precisa imaginar, porque esse país já existe e é a Bósnia-Herzegovina. O país, relativamente pequeno, está localizado no Leste Europeu e conta com cerca de 3,5 milhões de habitantes. O mais interessante sobre o país é que ele reúne, em seu território, os bósnios, os croatas e os sérvios. E cada um desses grupos, conta com o seu próprio idioma e representante no governo. Imagine se fosse assim no Brasil...

A economia do país está concentrada, principalmente, nas exportações de metais, maquinários, produtos têxteis e produtos minerais. Mas o que mais chama a atenção das outras nações mesmo, é o fato da república Bósnia-Herzegovina ser governada por três pessoas. E pelo visto, esse sistema de governo, bastante complexo, tem funcionado muito bem, já que está em vigor há quase 25 anos. Entenda melhor como é a política de governo desse país.

Sistema político

Entender o sistema político da Bósnia-Herzegovina é uma tarefa um tanto quanto complicada. Isso porque se trata de um sistema único no mundo e diferente de tudo que você já viu.

Para começar, o território da Bósnia-Herzegovina é divido em duas entidades. A primeira delas é a República Sérvia, habitada pelos sérvios, como se pode imaginar. E a segunda é a Federação da Bósnia Herzegovina, que é habitada pelos bósnios e croatas. E cada uma dessas entidades possui os seus próprios cantões (estados), com seus próprios municípios.

Além disso, há ainda o Distrito de Brcko que oficialmente faz parte das duas entidades, mas que, ao mesmo tempo, é autogovernado. Dividindo os órgãos políticos, temos dois terços da maioria deles pertencendo aos bósnios e croatas, o que faz sentido, já que eles são a maioria. E o um terço restante pertence aos sérvios.

Uma semelhança, com o nosso sistema político, é que, a cada 4 anos, o povo elege três pessoas para exercer o cargo da presidência do país. E obviamente, um deles deve ser bósnio, um croata e um sérvio. Essas três pessoas são encarregadas de governar o país inteiro, lidando com o orçamento das instituições estaduais e dos assuntos militares e exteriores. E tudo mais que for de responsabilidade do presidente.

O parlamento

Quanto ao parlamento do país, ele é dividido em duas casas. A Casa do Povo, formada por 15 membros, e a Casa dos Representantes, que reúne 42 membros. Os parlamentares do país são eleitos da mesma forma que acontece no Brasil, com os deputados federais. Por meio de um sistema de representação proporcional de votos.

O parlamento tem como função primordial, ratificar tratados, aprovar leis necessárias ao cumprimento das decisões das presidências e definir os orçamentos nacional e internacional.

Já o judiciário é formado por vários tribunais. Tem o tribunal constitucional, que possui 9 membros. Desses, 2 deles são indicados pela República Sérvia, 4 pela Federação Bósnia-Herzegovina, e os 3 restantes apontados pelo presidente da Corte Europeia de Direitos Humanos.

Há também o tribunal da República Sérvia e o da Federação da Bósnia-Herzegovina, que conta com três divisões. Sendo elas, cada uma destinada a crimes, administração e recursos. E, por último, os tribunais locais, que correspondem aos cantões e aos municípios.

Mas nem sempre foi assim o sistema político do país. Esse modelo foi instaurado em 1995, como forma de estabelecer a paz entre as etnias bósnia, croata e sérvia, que, até então, lutavam entre si.


Próxima Matéria
avatar Cristyele Oliveira
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest