• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Conheça a certidão de nascimento da internet

POR Jesus Galvão    EM Ciência e Tecnologia      31/10/19 às 12h42

Há 50 anos, em 29 de outubro de 1969, nascia a internet. Mas, obviamente, a internet não nasceu como hoje a conhecemos e tanto amamos. Na verdade, o rebento chegou humilde, na forma de um único login de um terminal de computador, na Universidade da Califórnia, em Los Angeles (UCLA), para o Stanford Research Institute (SRI), em Menlo Park, Califórnia, nos Estados Unidos.

Naquela época, os cientistas não podiam imaginar que seu feito catapultaria o mundo alguns anos depois, para a era da informação. No início, muito antes de se chamar internet, ela recebeu um outro nome. A primeira forma da internet foi chamada de Arpanet. Isso porque o projeto de sua criação era financiado pelo ARPA, sigla em inglês para Advanced Research Projects Agency', do Departamento de Defesa dos EUA.

O mais incrível é que o dia do nascimento da internet foi registrado em um pedaço de papel. Em suma, o qual os cientistas ainda mantêm guardado. Atualmente, o ARPA, que mudou de nome para DARPA, trabalha com tecnologia de ponta, como robôs de combate em guerra e implantes cerebrais.

Operadores de computador do UCLA, em 1969, mantinham em um diário todo o trabalho realizado na nova rede. Entre algumas dessas anotações, em ""29 de outubro de 69"", algo muito importante foi escrito às 22:30 horas, no diário. Na folha, é possível lermos: "Conversei com o SRI, host com host".

Essa página do diário se encontra arquivada na UCLA. Basicamente, a simples folha de papel possui grande valor, uma vez que ela é considerada a certidão de nascimento da internet. Surpreendentemente, um papel branco, com inscrições em azul, registrou a primeira vez em que dois computadores começaram a se comunicar. Um na UCLA e o outro no SRI. Incrível, não?

Certidão de nascimento

Bradley Fidler, historiador da computação no Stevens Institute, em Nova Jersey, conversou com o portal Gizmodo sobre questões relacionadas ao gerenciamento técnico da internet. No bate papo, Fidler explicou como o documento é importante para a história da internet. Além de como ele nos ajuda a compreender melhor o histórico das redes.

"Se você disser às pessoas o que realmente é, elas não acharão especial. Ele documenta, precisamente, o primeiro login remoto (não a mensagem) entre dois computadores (...)", disse o historiador. "O documento é especial, no que diz respeito aos documentos, porque documenta o primeiro teste bem-sucedido do principal objetivo do Arpanet (...)".

"Isso importa porque coloca em movimento um pequeno pedaço da história global das redes, que cresceu e extinguiu muitos caminhos alternativos. Pôs em movimento tradições, projetos, instituições que não foram substituídas, mas se transformaram no que vivemos hoje. Bem como, detalhes técnicos, como a Internet usa nomes, endereços e aplicativos e detalhes institucionais, como o gerenciamento da Internet", acrescentou.

Fidler ainda explicou como o Arpanet esteve à frente de muitos outros projetos que testavam sistemas e redes similares. "Os pesquisadores financiados pela DARPA testaram as tecnologias de interconexão de redes - que permitiriam a interconexão de redes - pelo Arpanet. Posteriormente, uma década após a primeira conexão, em 1979, o Arpanet foi o primeiro e único backbone da Internet, uma função que manteve até 1986".

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião. Posteriormente, não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+