• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Conheça a aldeia abandonada na Turquia que vale 750 milhões de reais

POR Diogo Quiareli    EM Mundo Afora      29/01/19 às 14h42

Olha de longe, o Burj Al Babas poderia facilmente ser confundido com um diorama de vilas em miniatura. As construções no lugar parecem todas iguais. As torres cinza-azuladas e detalhes góticos conseguem chamar a atenção e nos fazer lembrar-se dos castelos dos filmes da Disney. Quando o projeto teve início, em 2014, o desenvolvedor, o Grupo Sarot esperava que essa estética luxuosa atraísse compradores de outros países ricos. No entanto, agora as casas da aldeia estão vazias na base das montanhas do noroeste da Turquia. Embora tenha sobrado um dinheiro em seu orçamento de US$ 200 milhões, esse grupo já buscou proteção contra falência depois que os compradores não conseguiram dinheiro para as propriedades.

Esse problema não é algo exclusivo da Turquia. É algo que vem acontecendo no mundo inteiro. Cidades como Nova York, Las Vegas, Tóquio e Burgos, na Espanha, estão cheias de propriedades abandonadas. No entanto, nenhuma consegue ser tão sinistra quando as vilas vazias de Burj Al Babas. Isso simboliza a situação econômica da nação. Confira abaixo um pouco mais sobre esses lugares um tanto fantasmagórico.

Essas vilas estão localizadas próximas à pequena cidade de Mudurno, região noroeste do país.

Os compradores podem obter uma casa por entre US$ 400 mil e 500 mil cada

Das mais de 732 moradias construídas, tem-se informações que 350 foram vendidas para investidores. No entanto, muitas das vendas caíram desde então. O arquiteto desse projeto disse à Agence France-Presse que os compradores podem ter sido impactados pelo declínio nos preços do petróleo. A queda da economia da Turquia também pode ter parte da culpa. Em outubro de 2018, a taxa de inflação do país chegou a 25%, sendo assim a mais alta em 15 anos. O grande salto foi fortemente influenciado pelo declínio da moeda do país, a lira.

Em setembro, o banco central da Turquia aumentou as taxas de juros em uma tentativa de combater esses problemas. O país foi também atormentado por turbulências políticas. Diversos analistas econômicos criticaram os gastos excessivos do presidente turco, Recep Tayyip Erdogan. Esses gastos foram com projetos de infraestrutura que exigiam muitos empréstimos de bancos estrangeiros. Como o valor da moeda despencou, os investidores estrangeiros começaram a sair dos projetos, o que levou a uma queda na indústria da construção como um todo.

Enquanto o país tenta se reerguer de novo, o arquiteto do Burj Al Babas continua com esperança

E aí, o que você achou dessa matéria? Gostaria de comprar um desses imóveis? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos em todas as redes sociais. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento. Aproveite para fazer um tour por nosso site e mergulhe em um oceano de curiosidades.

Próxima Matéria
Diogo Quiareli
Geminiano, 25 anos, goiano.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+