icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Conheça a história do assassino de aluguel brasileiro que matou quase 500 pessoas

POR Diogo Quiareli EM Entretenimento 31/07/18 às 15h12

capa do post Conheça a história do assassino de aluguel brasileiro que matou quase 500 pessoas

Júlio Santana é o nome do maior assassino de aluguel que já existiu no Brasil. Recentemente foi revelado o trailer do filme que retrata sua história. A produção cinematográfica terá o nome de "O nome da morte" e foi escrita com base no livro de mesmo nome escrito pelo jornalista Klester Cavalvanti em 2006. Julio atuou como pistoleiro por 35 anos e matou quase 500 pessoas. Seus números chocaram o Brasil e serviram como base para muitos artigos e documentários. Ele chegou a ser preso uma única vez, mas conseguiu liberdade após subornar o delegado envolvido no seu caso. O diretor do filme é Fernando Meirelles, indicado no ano de 2004 ao Oscar de melhor diretor por "Cidade de Deus". Conheça mais sobre a história de Julio.

 História

Júlio cometeu seu primeiro crime profissional no dia 27 de julho de 1972. Ele recebeu 300 cruzeiros pelo assassinato. "Ganhar 300 cruzeiros por um dia de trabalho era algo que ele jamais imaginara ser possível. Além disso, havia gostado da emoção que sentia ao matar Caetano. Ele queria ganhar mais dinheiro", contou o autor do livro. Em toda sua vida profissional, Júlio matou quatro menores de 16 anos, 59 mulheres (a maioria teve sua morte encomendada pelo próprio marido) e 424 homens. Isso sem contar com as três pessoas que assassinou antes de 1972.

Ele anotava os seus trabalhos em um caderno que era mantido em segredo dentro de uma mochila. Esta ficava atrás do guarda-roupa. Além de anotar os nomes das vítimas, ele ainda anotava o motivo pelo qual havia sido morta. Após matar um funcionário público no Maranhão, Júlio voltou para casa, deitou com sua mulher e disse "acabou". Ele comprou um sítio e se mudou com a amada. O filho mais velho do assassino de aluguel morreu aos 19 anos num acidente de motocicleta.

Ele acreditava que o acidente do jovem foi um castigo divino por todas as coisas ruins que ele fez na vida. Ele dizia que aquilo era por não ter tido nenhuma justiça na Terra envolvendo seus casos, então Deus resolveu castigá-lo. Não é comprovado que ele parou realmente de matar após "se aposentar" e isso que o livro e filme abordam. O filme fará sua estreia nos cinemas no dia 2 de agosto. Confira conosco o trailer.

Trailer

E aí, você já tinha ouvido falar sobre essa história? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.


Próxima Matéria
Via   Uol     Olhar Direto  
Imagens T1 Notícias
avatar Diogo Quiareli
Diogo Quiareli
Geminiano, 26 anos, goiano. Amante de música pop, fã de Katy e Luan.
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest