icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Conheça o homem que sobreviveu 133 dias sozinho no mar

POR Leticia Rocha    EM Curiosidades      22/04/19 às 17h34
capa do post Conheça o homem que sobreviveu 133 dias sozinho no mar

Se você gosta de histórias emocionantes e que parecem ser impossíveis, essa matéria é perfeita para você! Uma verdadeira história de sobrevivência e resistência. Acredite ou não, Poom Lim passou 133 dias sozinho no mar e sobreviveu. Vale dizer que o homem estava sozinho, quase que literalmente no meio de um dos maiores conflitos militares que já existiu, a Segunda Guerra Mundial.

Tudo começou quando Pool Lim, que na época tinha 25 anos, começou a trabalhar como marinheiro na Segunda Guerra Mundial. Foi durante a realização desse trabalho que um incidente ocorreu e o homem acabou à deriva no meio do mar.

O naufrágio

O ano era 1942, e Poom estava trabalhando no navio mercante SS Ben Lomond. Eles haviam saído de Cidade do Cabo para a Guiana Holandesa, no Suriname. No entanto, no meio da viagem, a embarcação foi atingida por torpedos inimigos, vindos do submarino alemão U-boat. Era noite e a única reação que Pool teve foi correr para pegar um colete salva-vidas e pular do barco.

No caminho, ele ouvia o estalar de toda a estrutura. Além disso, uma grande quantidade de água estava invadindo a embarcação. Sua reação foi pular do barco. Sabia que logo ela naufragaria e levaria tudo consigo e ele não queria estar ali quando isso ocorresse. Foi tempo suficiente para se salvar da explosão que ocorreria logo em seguida. Do outro lado, Poom viu um bote com outros marinheiros da embarcação que foram levados como prisioneiros de guerra. Felizmente, Pool Lim conseguiu se esconder e não foi capturado.

133 dias em alto mar

Depois que o navio afundou e os outros foram levados pelo inimigo, Poom ficou sozinho em meio ao Oceano Atlântico. Foram horas e horas em alto mar, sozinho e sem nada que pudesse fazer. Em certo momento, viu um ponto branco no horizonte, era um pequeno bote. O homem então nadou o mais rápido e forte que pôde para alcançar a pequena embarcação. A correnteza lhe puxando para trás dificultava tudo, mas ele conseguiu chegar até o bote.

Ao redor da embarcação, Poom conseguiu recolher um galão de água e alguns biscoitos, que foram seu sustento durante alguns dias. No entanto, depois que seus suprimentos acabaram, ele precisou buscar uma nova forma de obter alimentos. Foi então que ele armou uma vara de pescar com uma lanterna estragada e uma corda que tinha encontrado. De isca, ele usou uma craca que havia encontrado no bote em que estava e foi assim que iniciou a pesca. Depois de várias tentativas, ele finalmente conseguiu pescar um peixe. Felizmente, ele não morreria de fome, com as vísceras do peixe, ele fez iscas para pescar nos demais dias.

As chuvas permitiram que ele coletasse alguma água para beber. E vários dias se passaram. Um cargueiro chinês chegou a passar pelo homem, mas não o resgatou por ele ser chinês. Um avião também passou pelo local em que estava, o homem ficou feliz quando viu uma boia de sinalização sendo lançada, mas não conseguiu alcançá-la, já que ela foi puxada pela correnteza. Depois de três tentativas, as pessoas na aeronave desistiram e se foram.

Depois de dias e dias à deriva, na verdade, mais de 133 dias, Poom avistou a costa, ele estava próximo de terras brasileiras. Alguns pescadores o resgataram, no entanto, o chinês teve de permanecer no mar por mais alguns dias. Os pescadores só podiam voltar ao solo quando concluíssem a pesca. E foi depois disso que Poom Lim finalmente pisou em terra firme. O homem ficou internado por duas semanas em um hospital brasileiro e então o consulado britânico conseguiu levá-lo de volta para a Inglaterra.


Próxima Matéria
avatar Leticia Rocha
Leticia Rocha
Jornalista e aprendiz de Dani Noce. No insta é ticia_rochaa
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest