• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Conheça os segredos cósmicos das constelações do seu signo

POR Erik Ely    EM Ciência e Tecnologia      02/03/20 às 00h01

Seu planeta natal, a Terra, está cercado por bilhões de estrelas cintilantes. Dessa forma, há muito tempo, os terráqueos antigos ligavam os pontos a um monte dessas estrelas, formando as 12 constelações do zodíaco. Com base nessas constelações, o seu signo é formado. E pensando nisso, separamos os segredos cósmicos das constelações do seu signo.

Muitos terráqueos ainda olham para essas constelações, em busca de encontrar conselhos de relacionamentos ou até mesmo, uma orientação para sua existência. Nem sempre, podemos encontrar aquilo que procuramos. Mas, se você observar atentamente, poderá perceber que seu destino está escrito nas estrelas.

Áries

Arianos adoram uma boa competição. Por isso, ele possui não somente um, nem dois, mas sim, três sóis em seu céu. Para isso, ele necessita de um sistema binário, um sistema solar, em que duas estrelas orbitam em torno de um ponto comum. Além disso, esse mesmo sistema binário orbita o mesmo centro de gravidade de outro sistema binário a cerca de 160 milhões de quilômetros. No final das contas, a competição aumenta mais ainda.

Touro

Há uma explicação para Touro e Câncer não serem tão compatíveis. Isso acontece porque há um grande caranguejo beliscando os chifres do touro espacial. Além disso, a "Nebulosa do Caranguejo" é a remanescente de uma explosão de supernova, datada em cerca de mil anos. Contudo, esse tipo de explosão cria brilhantes explosões de gás, que permanecem no céu, por dezenas de milhares de anos. Dessa forma, mesmo agora, tanto tempo depois, o céu está iluminado com a beleza da explosão.

Gêmeos

Os nativos de gêmeos são jovens, curiosos e divertidos. Mas quando olhamos para o céu, podemos encontrar um "grande palhaço no céu". Também conhecida como Nebulosa Esquimó, essa possui a "cara de palhaço" e é feita de dois enormes anéis concêntricos. Assim, esses anéis são bordados com filamentos peludos, que se estendem por anos-luz, fazendo-o parecer com a maquiagem de um palhaço.

Câncer

Da mesma forma que é difícil conhecer cancerianos, é difícil conhecer o exoplaneta mais famoso da constelação. Localizado a apenas 40 anos-luz de distância, o 55 Cancri E tem aproximadamente o dobro da Terra e orbita sua estrela natal a cada 18 horas. Isso significa que planeta é extremamente quente. Com essas características, muitos apontam a possibilidade de que o planeta seria feito de diamante, ou então, que sua superfície fosse feita de lava. Contudo, teremos que nos aproximar mais do planeta para descobrir essas informações.

Leão

Teimosa como um verdadeiro Leão, essa estrela em fuga está literalmente se afastando do espaço. Dessa forma, a estrela está se movendo tão rápido, que pode vê-la criando um choque de arco. No entanto, ainda não sabemos até onde esse leão está indo, já que não mostra sinais de parada.

Virgem

Não é sempre que você vê uma cena dessas, um buraco negro "usando chapéu". Essa galáxia peculiar é um protuberância brilhante de estrelas, cercada por um anel perfeitamente simétrico de poeira que lembra a borda de um chapéu. Com isso, o buraco negro, com 1 bilhão de vez a massa do sol, derrama constantemente radiação eletromagnética no espaço. É raro ver um virginiano derramar algo sem limpar, mas pelo menos, essa bagunça galáctica está a 29 milhões de anos-luz de distância.

Libra

Dois mundos semelhantes à Terra circundam a distante estrela Gliese 581. Mundos como esses são raros, e alguns astrônomos acreditam que o par de planetas nem mesmo exista. Dessa forma, eles poderiam apenas ser uma miragem causada por manchas solares. Portanto, esses dois mundos são extremamente emocionantes ou decepcionantes, sempre nos extremos.

Escorpião

Apaixonado e resistente, um Escorpião não desiste de um relacionamento, nem mesmo nas estrelas U Scorpii. Essa estrela puxa continuamente o brilho de uma estrela vizinha e espirra novamente em um brilho cada vez mais brilhante. E o resultado disso é um brilho constante e obscuro que se confunde com nascimento de uma nova estrela. Dessa forma, ela vem iluminando o céu pelos últimos 150 anos.

Sagitário

Sagitarianos gostam de manter um círculo pequeno de amigos, e não há um círculo mais apertado do que o buraco negro, no centro da Via Láctea, o Sagitário A. Com isso, nosso buraco negro é quem mantém a galáxia unida. Às vezes, ele come muito rápido e lança bolhas gigantescas de radiação. Em outras vezes, brinca com a comida e a devolve para a cozinha. Como muitos sagitarianos, o buraco é inconstante e intransigente.

Capricórnio

Vendo hoje, o grupo de galáxias de Capricórnio, HCG 87, pode parecer bonito e agradável. No entanto, isso é apenas temporário. Tudo porque, nos próximos bilhões de anos, as três figuras se rasgarão em pedaços, deixando tudo que conhecemos em um amontoado caótico.

Aquário

Aquarianos são muito observadores. Ao olhar para nebulosa Helix, é possível ver um enorme olho aterrorizante olhando para as profundezas de suas almas. Com isso, ela pode ser comparada ao Olho de Sauron e ao Olho de Deus. Entretanto, essa é apenas uma estrela morta, envolta em poeira e que assume essa forma tão diferente.

Peixes

Um pisciano romântico provavelmente tentará seduzi-lo com uma fala sobre como você é feito de poeira estelar. Em um encontro estelar, por exemplo, sugerimos que você volte sua atenção para a Galáxia Fantasma M74. Da Terra, os astrônomos podem ver o centro dourado da galáxia, oferecendo uma visão dos 100 bilhões de estrelas da galáxia. Pode ser uma visão deslumbrante, mas não tão deslumbrante, quanto um pisciano enxerga seu amor.

Próxima Matéria
Via   Live Science  
Erik Ely
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+