icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Por que crianças não devem usar redes sociais?

POR Diogo Quiareli EM Curiosidades 09/09/20 às 11h48

capa do post Por que crianças não devem usar redes sociais?

Quase todos nós temos contas e acesso constante às redes sociais. É por elas que nos mantemos contato com nossos amigos, acompanhamos nossos ídolos e ficamos sabendo de várias coisas. Muitos usam o Twitter, por exemplo, para se informar sobre todos os assuntos possíveis. Com essa popularização das redes sociais, cada vez vemos mais crianças no meio. No entanto, isso é algo que não deveria acontecer, pois há uma grande problemática nisso tudo. Deixar seu filho em sites de mídia social pode influenciar seu desenvolvimento e até mesmo sua transição para a adolescência. Em vários casos, pode ser muito mais maléfico do que benéfico.

Talvez sue filho esteja usando as redes sociais sob supervisão, mas as desvantagens superam as vantagens em diversos níveis diferentes. Isso porque é impossível monitorar todos os passos, pois um perigo potencial pode estar a um clique de distância e eles provavelmente nem perceberão isso. E foi pensando um pouco sobre o assunto, que decidimos trazer essa matéria. A redação da Fatos Desconhecidos buscou e listou alguns motivos pelos quais as crianças não devem usar redes sociais. Confira conosco a seguir e surpreenda-se.

Por que as crianças não devem usar redes sociais?

1 - Verá a realidade diferente nas redes sociais

Conforme as crianças crescem, mas elas querem descobrir sobre si. Meninas, por exemplo, costumam ir em direção às tendências da moda e maquiagem. Enquanto isso, os meninos buscam looks usando gel de cabelo. Nas redes sociais, esses pequenos buscarão influências mundiais, assim saindo de sua própria realidade. É como uma pressão social que eles sofrem. Para jovens que estão em estágio de desenvolvimento de auto-estima, pode dar a impressão de que nunca serão capazes de atingir o status que querem.

2 - Podem compartilhar o que não devem

Crianças com menos de 13 anos não tem o mesmo cuidado com a vida que nós, adultos. Desta forma, podem acabar se expondo demais e atraindo coisas ou pessoas indesejadas. Até mesmo a localização de onde estão elas podem compartilhar sem perceber, as colocando em risco.

3 - Podem se tornar vítimas de bullying ou cometer

O bullying em redes sociais pode ser ainda pior do que na vida real. Isso porque as pessoas agem livremente quando são "anônimas". As redes colocam as crianças, que são muitas vezes frágeis ou manipuláveis, em situações complicadas.

4 - Ansiedade

Tendências, bullying e falsa realidade podem deixar as crianças facilmente ansiosas e até mesmo deprimidas. Isso porque os pequenos ainda não têm uma forte auto-estima e confiança e esta é a principal razão pela qual elas não devem usar redes sociais.

5 - Perigos reais

Seja algo da moda, dança ou um tipo de jogo, as crianças ficam cada vez mais obcecadas por essas coisas. O lado ruim de tudo isso é que algumas tendências podem oferecer riscos reais. Alguns desafios do passado são conhecidos por serem imprevisíveis e muito perigosos.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comente então pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Vale lembrar que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.


Próxima Matéria
Via   Brightside  
avatar Diogo Quiareli
Diogo Quiareli
Geminiano, 26 anos, goiano. Amante de música pop, fã de Katy e Luan.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest