• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


De onde vem a expressão "Feito nas Coxas"?

POR Rafael Miranda    EM Curiosidades      14/03/15 às 14h04

Existem muitas expressões que se caracterizam por não ser possível identificar o seu significado literal. Essas expressões são chamadas de "expressões idiomáticas". Elas muitas vezes estão associadas a gírias, jargões ou contextos culturais específicos que acabaram se espalhando.

Muitas destas expressões têm existência curta ou ficam restritas ao grupo onde surgiram, enquanto algumas outras resistem ao tempo e acabam por ser usadas de forma mais abrangente, extrapolando o contexto original. Neste último caso, a origem histórica do seu significado muitas vezes perde-se de todo ou fica limitada a um relativamente pequeno grupo de usuários da língua.

Mas você sabe de onde surgiu a expressão "Feito nas Coxas"?

Brasil Colonial

3

Você já deve ter escutado a expressão "fazer nas coxas" em algum momento da sua vida. Esse termo supostamente deriva dos tempos da escravidão, onde os escravos moldavam as telhas das casas nas coxas e dessa forma como alguns tinham as coxas mais grossas, outros mais finas, as telhas não saiam perfeitamente iguais, o que causava goteiras nas casas, quando chovia.

A escravidão, foi a forma de relação social de produção adotada, de uma forma geral, no Brasil desde o período colonial até o final do Império. A escravidão no Brasil é marcada principalmente pela exploração da mão de obra de negros trazidos da África e transformados em escravos no Brasil pelos europeus colonizadores do país.

Será que é verdade?

1

Parece que não. Um estudo de caso feito pelo Professor e Arquiteto José La Pastina Filho indica que a associação entre "coxas humanas" e "telhas" não passam de boatos. As telhas feitas no Brasil colonial eram feitas em moldes de madeira.

Em seu estudo de caso feito para o IPHAN do Paraná o estudioso afirma: "Para confirmar nossa convicção das inconsistências da assertiva popular - telhas feitas nas coxas dos (as) escravos (as) - tomamos as medidas das coxas de um homem de 1,80m de altura e verificamos que, usando-a como molde, só seria possível a fabricação de uma minúscula telha de 36cm de comprimento."

"Sem maiores preocupações com aspectos de anatomia humana, se estabelecermos uma simples regra de três, poderemos verificar que, para fabricar uma telha de 77 cm, precisaríamos contar com um escravo de 3,95m de altura. Além disto, em termos de otimização de força de trabalho, mesmo numa sociedade escravocrata, teríamos uma perda substancial na força de trabalho: um escravo imobilizado, com lâminas de barro sobre suas duas coxas, e pelo menos dois outros para remover cada uma delas e transportá-las ao estaleiro."

Outra teoria

2

Outra teoria que ganhou força nos últimos anos é que o tal "Feito nas Coxas" teria cunho sexual. A expressão originalmente significaria "sexo incompleto". O sexo sem penetração seria comum na época pois o escândalo de uma moça virgem praticar relações sexuais antes do casamento seria terrível para uma família e para a própria pessoas na época. Assim o feito das coxas ficou conhecido como "trabalho mal feito" ou "trabalho não concluído".

 

 

Próxima Matéria
Rafael Miranda
Criando forças para segurar o forninho de cada dia. Instagram: @rafaelmiranda17
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+