icone menu logo logo-terror.png


Decodificaram mensagem satânica de freira 'possuída' no século XVII e é simplesmente perturbador

POR Diogo Quiareli    EM Terror & Sobrenatural      02/10/17 às 17h17
capa do post Decodificaram mensagem satânica de freira

Acompanhamos no decorrer da vida diversos filmes de terror com histórias horripilantes. No geral, os mais assustadores envolvem possessões demoníacas e são capazes de tirar o nosso sono por noites. Mais terrível ainda é quando uma freira, figura religiosa é possuída por alguma entidade do mal. Pensando sobre o assunto, lembramos que estamos vivendo uma era com uma das histórias mais medonha de todos os tempos. Tudo parece fazer parte de um roteiro para o próximo filme de terror, mas existem registros que comprovam a realidade e diz respeito a uma carta do diabo, ditada pelo próprio "diabo" a uma religiosa.

Tudo indica que a carta foi escrita há mais de 340 anos, ainda no século 17 e seu conteúdo permaneceu em segredo até hoje. A mensagem foi escrita pela freira italiana Maria Crocifissa Della Concezione. Tudo ganhou buzz porque foi possível agora, com a ajuda de um programa de computador encontrado na Deep Web, decodificar a sua mensagem. A mensagem foi escrita em agosto de 1676, quando a religiosa tinha 31 anos de idade. Maria vivia no convento Palma di Montechiaro, na região da Sicília e quando foi encontrada, estava jogada no chão, com o seu rosto coberto de tinta e segurando a possível carta do diabo.

Na época, Concezione disse que a carta foi escrita pela própria figura do mal, na tentativa de fazer com que ela assumisse a mensagem e se rebelasse contra Deus. O documento possui 14 linhas e despertou o interesse nos pesquisadores do Museu de Ciência de Ludum, que também fica na Sicília. Eles utilizaram o programa da internet buscando decodificar alguns símbolos avulsos, mesmo que isso não fizesse muito sentido. Para a surpresa do grupo de estudiosos, a freira tinha um amplo conhecimento de alfabetos antigos, o que permitiu que eles encontrassem sentido nas partes que foram decifradas.

No conteúdo da carta, o autor acusa a Santíssima Trindade (Como a igreja nomeia Deus como Pai, Filho e Espírito Santo) de serem pesos mortos e sobre Deus não ter realmente poder de libertar os mortos. O Diabo teria ainda escrito por intermédio da freira possuída que talvez o conceito do Estinge (que na mitologia Greco-romana se trata do rio que separa o mundo dos vivos do mundo dos mortos) esteja correto.

Existem também algumas partes da carta que não fazem nenhum sentido, já que o texto dela consiste basicamente em divagações.

Ainda há dúvidas sobre esse caso, pois os pesquisadores acreditam que Maria sofria de esquizofrenia ou bipolaridade. Segundo alguns cientistas, Maria Crocifissa della Concezione, na verdade era Isabella Tomasi e vivia no convento desde seus 15 anos de idade, um tempo suficiente para ficar perturbada com o enclausuramento. Mas na época, a carta do diabo foi considerada uma prova de luta da religiosa contra os vários espíritos malignos que tentavam fazer com que ela assinasse a mensagem. E o que você acha disso tudo?

E aí, o que achou da matéria? Comenta pra gente aí em baixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.


Próxima Matéria
Via   Livescience  
avatar Diogo Quiareli
Diogo Quiareli
Geminiano, 26 anos, goiano. Amante de música pop, fã de Katy e Luan.
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest