• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Deixar seu celular carregando a noite toda pode estar acabando com ele

POR Mateus Graff    EM Ciência e Tecnologia      08/02/18 às 12h45

Já fizemos uma matéria mostrando quanto custa para você carregar seu celular todos os dias e que você carregou seu celular errado a vida inteira. Pois bem, todo mundo costuma colocar o celular para carregar todos os dias antes de dormir, deixando o aparelho ligado a noite inteira.

Sendo assim, ele carrega até mesmo depois atingir os 100% de carga, certo? Pois saiba que esse não é o caminho certo. E isso não somos nós que estamos afirmando. A descoberta que vamos citar na matéria foi feita por especialistas em bateria da Callex, que criou a Battery University, uma das maiores referências do assunto.

As baterias dos celulares de hoje são feitas de íon e lítio e são sensíveis a sobrecarga ao entrar em um estado de alta voltagem. Quando expomos a bateria a altas temperaturas e a deixamos em carga total por um longo período pode estar desgastando a bateria do seu aparelho.

Maneria correta de carregar o celular

Segundo os pesquisadores, o meio termo é o ideal. Não é preciso deixar o celular 100% o tempo todo. Por que? Não é recomendado deixar a bateria suficientemente baixa. Sendo assim, o indicado é fazer pequenas recargas no seu celular durante o dia.

A ideia é manter o celular entre 40 e 70%. Segundo os especialistas, "baixas tensões de carga prolongam a vida da bateria". Portanto, é melhor andar com seu carregador para todos os cantos do que deixar ele carregando à noite inteira.

Mas e você, sabia disso ou deixa seu celular carregando toda à noite? Comente!

Próxima Matéria
Mateus Graff
https://www.instagram.com/mateusgraff/ https://www.facebook.com/mateus.adjutomartinsgraff
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+