• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Depois de serem rejeitados por anos, mais de 100 cães idosos são adotados por casal

POR Diogo Quiareli    EM Compartilhando coisa boa      29/03/19 às 17h32

O mundo precisa de mais amor e solidariedade. Por sorte, às vezes deparamo-nos com situações que nos enchem de alegria e nos fazem ter mais fé na humanidade. Pessoas anônimas que movimentam grandes campanhas em prol de pessoas necessitadas financeiramente ou, muitas vezes, sentimentalmente. Essas campanhas nos enchem de felicidade e é sempre bom compartilhar o máximo que podemos. A salvação de animais, sejam eles selvagens ou domésticos, causa uma emoção ainda maior nas pessoas. Poucas pessoas falam sobre o destino dos animais abandonados, como os cachorros, por exemplo. Os que alcançam uma idade mais avançada têm um destino ainda mais severo.

Esses cachorros vivem em condições vulneráveis até serem resgatados por abrigos de animais. Mesmo com essa salvação, a vida desses cães ainda é bastante complicada por causa da saúde frágil e da falta de uma família. Poucas pessoas sabem, mas os animais também sofrem depressão ou coisas do tipo. No entanto, um casal destacou-se na internet por causa de um feito bastante emocionante. Juntos, eles encontraram uma maneira de dar um lar e uma família para os cachorros. A história foi bastante compartilhada e emocionou diversas pessoas.

História com os cães

Mariesa e Chris Hughes perderam o seu cão, um Pitbull adulto chamado Moisés para o câncer. A grande perda aconteceu apenas dois anos após adotarem o animalzinho. Foi aí que eles perceberam porque muitas pessoas optam por não adotarem cães mais velhos. Eles preferem cachorros novos e até filhotes do que um com a idade mais avançada. As doenças que os levam rapidamente e o custo de manter um em casa são alguns dos fatores predominantes.

Os cães, como Moisés, vivem geralmente em condições vulneráveis, em abrigos de animais sobrecarregados por causa da sua idade. Eles quase nunca são escolhidos para adoção. Sendo assim, a família Hughes, após perder o seu cachorro, decidiu fazer algo para honrar sua memória. Eles começaram a ajudar cães na mesma condição do seu bichinho de estimação falecido. Foi assim que Mariesa e Chris financiaram o Mr. Mo Project, uma organização de arrecadação de fundos que recebe doações para cobrir as despesas médicas dos animais abrigados.

Assim, os dois podem permitir que as pessoas queiram abrir suas casas para os cachorros mais velhos, que antes não tinham onde morar além do abrigo. O projeto também mantém uma parceria com diversos centros de animais de estimação, lojas e veterinários. Esses fornecem cuidados, banhos e coleiras adequadas para cada um que é adotado por uma família. O projeto vai "devolver a vida a esses cães velhos", disse Mariesa. Desde que começaram com o projeto, mais de 100 cachorros encontraram um lar adotivo permanente. Isso mostra que, como Chris disse, os cães adotivos "têm muito amor para dar. Eles só precisam da pessoa certa que esteja disposta a doar esse sentimento".

E aí, o que você achou dessa matéria emocionante? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento. Aproveite para fazer um tour por nosso site e surpreenda-se com um oceano de curiosidades.

Próxima Matéria
Via   Brightside  
Diogo Quiareli
Geminiano, 25 anos, goiano.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+