• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Devido a rara condição, essa chinesa não consegue mais ouvir as vozes de homens

POR Diogo Quiareli    EM Curiosidades      15/01/19 às 12h12

Já imaginou como seria acordar um belo dia e não ouvir nada que está acontecendo ao seu redor? E se isso fosse mais focado e você não conseguisse mais ouvir vozes masculinas? Acredite ou não, isso aconteceu com Chen, uma chinesa que acordou e notou que não ouvia o que o seu namorado dizia. De acordo com o Daily Mail, a mulher, que só foi identificada pelo sobrenome, é uma moradora da cidade de Xiamen, na China, e buscou ajuda médica imediatamente ao perceber a anormalidade. Os profissionais médicos do local tentaram investigar os sintomas bizarros que eram o oposto das formas mais comuns de perda auditiva, segundo os relatos locais.

Um médico diagnosticou como perda auditiva de inclinação invertida, onde ela só consegue ouvir altas frequências. Acredita-se que a condição alcance apenas 13 mil pacientes com problemas auditivos, segundo dados divulgados.  O estresse pode ser um contribuinte para a doença, segundo estudos médicos. Chen supostamente estava sofrendo com náuseas e zumbido nos ouvidos na noite anterior ao seu problema. Assim sendo, ela acreditou que uma longa noite de sono seria capaz de resolver o problema. Então ela acabou indo dormir na cama de seu namorado.

No entanto, na manhã seguinte, ela ficou assustada ao descobrir que não conseguia ouvir o que seu parceiro falava. Foi nesse momento que ela buscou ajuda médica no hospital da cidade, onde foi atendida imediatamente por um otorrinolaringologista. Segundo relatórios, ela foi capaz de ouvir todas as palavras ditas por mulheres. "Ela foi capaz de me ouvir quando falei com ela, mas quando um jovem paciente entrou, ela não conseguiu ouvir", disse a doutora Lin Xiaoqing.

A doutora disse, a princípio, que ela sofria de "perda auditiva de baixa frequência" ou perda auditiva de inclinação invertida e isso explicava porque que não conseguia ouvir sons mais profundos. Essa condição é normalmente difícil de diagnosticar porque tanto os médicos quanto os pacientes podem não ter consciência de que existe. Isso pode ser causado pela genética, ou seja, pessoas que nunca foram capazes de ouvir sons baixos. A paciente revelou que ultimamente trabalhava até tarde e ficava muito estressada antes de dormir.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.

Próxima Matéria
Via   Revista Galileu  
Imagens R7
Diogo Quiareli
Geminiano, 25 anos, goiano.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+