icone menu logo logo-fatos-desconhecidos.png


Duas adolescentes de 14 anos descobrem asteroide vindo em direção à Terra

POR Erik Ely    EM Ciência e Tecnologia      05/08/20 às 14h39
capa do post Duas adolescentes de 14 anos descobrem asteroide vindo em direção à Terra

Recentemente, duas adolescentes, Vaidehi Vekariya e Radhika Lakhani, descobriram um novo asteroide vindo em direção à Terra. As adolescentes, de 14 anos, são estudantes da cidade de Surat, no oeste da Índia, e realizaram a descoberta por meio de um programa de busca de asteroides organizado pela 'SPACE India', instituto do qual participavam. "Nem tenho TV em casa para poder me concentrar nos estudos", afirma Lakhani.

Atualmente, a 'Space India' atua para desenvolver o setor de ciência e astronomia no país. Além disso, a organização também funciona em em parceria com uma afiliada da NASA, a 'International Astronomical Search Collaboration'. "Estou ansiosa para quando tivermos a chance de batizar o asteroide", afirmou Vekariya, que disse ter o sonho de ser astronauta.

Ainda vai levar muito tempo para o asteroide chegar ao planeta

A descoberta do asteroide, que aconteceu em junho, foi feita com a ajuda de um programa que analisa imagens capturadas pelos telescópios do programa PAN-STARRS, localizado no Havaí. Depois disso, a existência do asteroide foi confirmada por J. Patrick Miller, diretor da 'International Astronomical Search Collaboration'.

De acordo com o instituto de educação espacial indiano, o asteroide está sendo chamado de HLV2514. Isso porque, para azar das jovens, ele ainda não pode ser oficialmente batizado. Somente depois que a NASA confirmar a sua órbita, isso poderá ser possível. Contudo, ainda temos bastante tempo para isso, até porque, o asteroide somente cruzará a órbita da Terra em cerca de um milhão de anos. Em muitos casos, essa confirmação pode levar alguns anos para ocorrer.

Hoje, o asteroide se encontra próximo a Marte. Mas, mesmo daqui um milhão de anos, ele ainda não apresenta risco de colisão com o planeta. Dessa forma, sua rota deve cruzar a órbita da Terra, mas sem que ocorra uma colisão. "Depois de quatro, essa é a primeira vez que um asteroide é descoberto em Gujarat", afirmou Akash Dwivedi, educador do SPACE India. "Essas meninas fizeram seus pais e seu paós orgulhosos. Continuem assim", completou.

Devemos temer o asteroide?

De forma resumida, podemos confirmar afirmar que não nenhum risco com o HLV2514. De imediato, podemos imaginar que asteroides e cometas sempre representam uma ameaça potencial à Terra. Contudo, nem sempre eles funcionam desta forma, ainda que, por episódios de anos recentes, lembremos deles por sua capacidade de destruição.

Em 2013, por exemplo, um asteroide mais pesado do que a Torre Eiffel explodiu sobre o centro da Rússia. Para se ter uma ideia, apenas sua onda de choque deixou mais de mil feridos. "Este meteorito foi um objeto bastante grande com uma massa de várias dúzias de toneladas", afirmou Serguei Smirnov, astrônomo do Observatório Pulkovo, na época.

"Eu estava dirigindo para o trabalho, estava bem escuro, mas de repente veio um clarão como se fosse dia", afirmou Viktor Prokofiev, de 36 anos. Na época, Prokofiev era morador de Yekaterinburgo, nos Montes Urais. "Me senti como se estivesse ficado cego pela luz", completou. No entanto, mesmo que o asteroide tenha proporções semelhantes, os futuros moradores da Terra não correrão esse risco, uma vez que usa rota não prevê colisão direta com o planeta.


Próxima Matéria
Via   G1     G1     Olhar Digital     Times of India  
Imagens G1 ABC
avatar Erik Ely
Erik Ely
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest