• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Essa teoria incrível vai mudar a forma como você vê Pokémon Go

POR PH Mota    EM Entretenimento      28/07/16 às 18h25

Que Pokémon Go é uma febre mundial mesmo antes de ter sido lançado oficialmente em todos os países que aguardam o jogo - alô Niantic, olha pro Brasil! - você já sabe. Aqui mesmo nós já mostramos alguns dos fatos mais bizarros e curiosos causados pela empolgação e mania dos fãs que já aproveitam a captura de Pokémon nos seus celulares.

Mas, no mundo Pokémon, em que momento realmente se passa Pokémon Go? Por que tantas tecnologias famosas da franquia, como batalhas e trocas, ainda não estão presente? Esse fã japonês pode ter descoberto a teoria que responde a essas questões e conecta o aplicativo móvel com todos outros jogos da franquia.

Talvez você ainda não tivesse pensando nisso, mas um usuário de Twitter no Japão, identificado como Ink_Virtue, estabeleceu algumas ligações e aproveitou para explicar algumas das diferentes mecânica de jogos que vemos em Pokémon Go, mas não encontramos em outros produtos dos jogos.

Quando se passa Pokémon Go?

1

Na universo dos jogos de Pokémon, as primeiras versões lançadas - Red, Blue e Yellow - se passam no início da história, simultaneamente aos da terceira geração - Ruby, Sapphire e Emerald. Três anos depois, as tramas da segunda - Gold, Silver e Crystal - e quarta - Diamond, Pearl e Platinum - gerações acontecem. As sequências Black e White acontecem 11 anos depois do segundo ponto na linha do tempo, e dois anos depois disso, os jogos Black 2 e White 2. Pokémon Go se passaria antes disso tudo, no começo da história Pokémon.

Os indícios para estão nos próprios elementos do jogo mais recente. Nem mesmo todos os 151 Pokémon da primeira geração estão presentes no jogo. Além disso, ao se deparar com criaturas no meio da rua, os treinadores apenas jogam Pokébolas e tentam capturar seus monstrinhos, sem as tradicionais batalhas para enfraquecer os adversários antes.

Além disso, os conceitos de batalhas estratégicas e trocas de Pokémon ainda não foram aplicados, pois os treinadores não são experientes nesse universo. Por exemplo os tradicionais líderes de ginásio fixos e a estrutura da Liga Pokémon ainda não foi estabelecida; as lideranças mudam o tempo todo e não há insígnias.

Professor Willow

Sem título

Em todos os jogos Pokémon, um professor especialista está presente na região para ensinar, dar dicas e oferecer todas as informações sobre aquele universo. Em Pokémon Go, o Professor Willow faz sua primeira aparição no mundo dos jogos, mas talvez ele seja a versão do passado de um personagem já conhecido da série. Na segunda geração, existe um líder de ginásio especializado no tipo gelo que se assemelha, e muito, ao novo professor.

Em Gold, Silver e Crystal, o líder Pryce apresenta a mesma cor de cabelo, mesmo pose e mesmo olhar de determinação que Willow, em Pokémon Go. Além disso, o nome de Pryce em japonês é Yanagi. Tanto Yanagi, como Willow, significam salgueiro.

Evolução

4

Em Pokémon Go, as criaturas não evoluem após a conquista de novos níveis em razão dos pontos de experiência, mas por meio de itens chamado candies (doce, em inglês). Na época que o jogo se passa, os doces são extremamente comuns e utilizados aos montes para provocar a transformação dos Pokémon em formas mais avançadas.

Nos jogos clássicos, os Pokémon não evoluem dessa forma. Ou será que evoluem? Apesar de ganhar pontos de experiência por meio das batalhas, qualquer criatura pode ganhar um nível extra após consumir o item Rare Candy (doce raro). Certamente a utilização em excesso dos doces no começo do contato com os Pokémon transformou os doces em extremamente raros no universo.

O que você acha que está acontecendo no mundo de Pokémon Go? Essa teoria sobre a cronologia faz muito sentido ou é apenas mais uma viagem perdida?

Próxima Matéria
PH Mota
Jornalista que é um encontro Monty Python e A Praça É Nossa.
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+