icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Esse é um dos maiores problemas alimentares das crianças e vai chocar muita gente

POR Bruno Dias EM Curiosidades 11/06/20 às 13h52

capa do post Esse é um dos maiores problemas alimentares das crianças e vai chocar muita gente

Todos sabemos que uma boa alimentação pode influenciar sim na nossa saúde e na disposição que temos para enfrentar o dia a dia. O segredo não está em apenas comer frutas e legumes. Mas sim fazer uma dieta equilibrada com todos os alimentos em quantidades certas. Isso porque o nosso corpo precisa de um pouco de cada alimento, para que tenhamos uma vida saudável.

Mas é claro que nem sempre conseguimos seguir essa dieta saudável e acabamos comendo algumas, ou muitas, besteiras. A nossa relação com a comida mudou significativamente com o passar dos anos. A falta de tempo e vontade de querer cozinhar nos fizeram reféns de fast-foods e comidas prontas, que em sua maioria não fazem bem à saúde ou têm uma quantidade de calorias balanceadas e boas para nossa saúde.

Essa mudança alimentar para pior reflete não somente em adultos, como também nas crianças, visto que é na infância que somos apresentados às comidas e é criada a forma com que nos alimentamos. Podemos achar que a longo prazo isso não afeta, mas dados nos mostram que de fato essa mudança alimentar, feita desde criança, tem uma grande consequência. Há 40 anos, uma em cada 40 crianças eram obesas. Hoje, 10 crianças em cada 40 são obesas.

alimentação é fundamental para o crescimento e desenvolvimento das crianças. E de fato, alguns alimentos definitivamente não podem faltar na dieta dos pequenos. Mas alguns deles devem ser evitados.

O que muitas pessoas podem não saber é que mais de um quarto das calorias consumidas pelas crianças, atualmente, são consideradas vazias. Isso quer dizer que elas são de um baixo valor nutricional e vindas da adição de açúcares e gorduras sólidas.

Calorias vazias

Para conseguir analisar as tendências das dietas de crianças e adolescentes, de idades entre dois e 18 anos de idade, os pesquisadores usaram os dados da Pesquisa Nacional de Saúde e Nutrição de 2007-2008 a 2015-2016.

O que o estudo, que analisou os hábitos alimentares de crianças dessa faixa etária, viu que aconteceu, foi uma diminuição no consumo de calorias vazias no período de nove anos. Mas mesmo com essa queda, mais de 25% das calorias consumidas pelas crianças podem ser consideradas como vazias.

Segundo o estudo, as principais fontes das calorias vazias consumidas pelas crianças vêm de sucos de frutas. O que muitos podem tomar como uma coisa inusitada. Já que a maioria das pessoas acredita que sucos de frutas, mesmo que industriais, sejam benéficos para a saúde. Mas não é bem assim. Além de refrigerantes, biscoitos, brownies, pizza e sorvete.

De acordo com Edwina Wambogo, a líder da pesquisa, analisar todo o cenário de alimentos e bebidas que estão disponíveis para as crianças e adolescentes pode ajudar a conseguir novas formas de promover uma alimentação saudável para eles.

Depois desses resultados, os pesquisadores querem fazer um acompanhamento para ver como as principais fontes de energia e calorias que as crianças e adolescentes consomem variam de acordo com a renda familiar.

Além disso, eles querem estudar mais como a adição de gorduras e açúcares sólidos nas bebidas pode afetar o consumo e ingestão de calorias entre as crianças e adolescentes.


Próxima Matéria
Via   Vix  
Imagens Vix
avatar Bruno Dias
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest