• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Esses eram os empregos do futuro em 1988

POR Mateus Graff    EM Curiosidades      05/12/18 às 13h33

Na década de 1980, como você imaginava que seria o mudo hoje? Se fosse baseando em filmes, hoje teríamos carros voadores, robôs andando para todos os lados e coisas do tipo. Claro que é difícil prever como será o futuro, mas especialistas estão sempre tentando imaginar para onde a sociedade está caminhando. Uma das previsões feitas na década de 1980 foram quais empregos nós teríamos atualmente.

No fim da década de 1980 e começo de 1990, o mundo estava uma verdadeira loucura para quem procurava emprego. A automação estava prejudicando os empregos das pessoas, o que levou especialistas a se preocuparem com isso. Eles fizeram algumas previsões dos nossos empregos hoje em dia, e acertaram em alguns pontos.

As previsões dos empregos do futuro feitas em 1988

Um artigo, que foi publicado em 1988, no jornal Press e Sin-Bulletin, em Nova York, teve as ideias de vários especialistas sobre como seriam as profissões no futuro. Norman Feingold, um psicólogo clínico que morreu em 2005, pensava o seguinte: "Feingold prevê uma série de carreiras exóticas: gerente do hotel oceânico, consultora de bem-estar, especialista em direito esportivo, astrônomo lunar e até instrutor de robôs".

De certa forma, ele acertou quase tudo. Além da opinião de Feingold, o artigo também citou o professor de engenharia da George Tech, Alan Porter, que deu sua opinião sobre o futuro do fast food. Porter previu inovações como "o autoburger", algo parecido com o McDonald's, só que sem humanos trabalhando. Esta previsão também parece estar incrivelmente perto de ser uma realidade. O McDonald's lançou alguns restaurantes automatizados, mas que ainda precisam do trabalho humano.

O artigo termina com algumas previsões boas. Marvin Cetron, um analista tecnológico, analisa o ano 2000 e prevê uma semana de trabalho de 32 horas. "O único trabalho que uma mulher não vai realizar é o de padre católico", disse ele. Cetron disse que estudantes universitários do futuro estudarão pesquisa de enzimas e engenharia genética e robótica, o que realmente está acontecendo.

No topo da lista de indicadores da Cetron para os candidatos a emprego de amanhã: "Certifique-se de ter conhecimentos de informática. Você não fará isso no mercado de trabalho se não tiver. Vai ser uma necessidade tão básica quanto dirigir um carro". Pelo que podemos ver, as ideias não eram tão absurdas assim.

Agora queremos saber de você, quais você acha que serão as profissões daqui 30 anos? Não esqueça de deixar seu comentário aqui embaixo.

Próxima Matéria
Mateus Graff
https://www.instagram.com/mateusgraff/ https://www.facebook.com/mateus.adjutomartinsgraff
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+