• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Estes são os filmes favoritos de Quentin Tarantino

POR Gabi Noronha    EM Fatos Nerd      25/03/19 às 15h09

Todas as artes possuem precursores em todos os aspectos. Pessoas que há muito tempo resolveram inovar de alguma forma e conseguiram resultados além do esperado. O cinema se encaixa nesses casos. Os cineastas contemporâneos se inspiram em diversas obras do passado. Eles estudam, analisam e se inspiram em técnicas de outros grandes profissionais da área para desenvolver a sua própria.

Quentin Tarantino é um exemplo. Ele é apaixonado pelo cinema em si e, portanto, consome títulos sem preconceito. Isto é, sem limitações de tempo, região ou qualquer outra espécie. A partir delas, Tarantino encontrou seu estilo. Sua admiração pelo cinema é tão grande que todos seus filmes são praticamente uma homenagem ao mesmo. Inclusive o próximo, Era Uma Vez em Hollywood.

O cineasta se tornou o queridinho do público indie, embora hoje seja bastante comercial. Assim como qualquer outro cinéfilo, Tarantino também tem uma lista dos filmes que mais gosta. E que, por consequência, influenciam seu cinema de alguma maneira. A seguir, confira os filmes que Quentin Tarantino mais gosta.

7 - Fugindo do Inferno (1963)

O filme é uma adaptação do livro homônimo de Paul Brickhill e também uma das obras mais famosas do ator Steve McQueen. Na história, ele interpreta Hilts, um soldado americano feito prisioneiro pelos alemães. Junto com mais algumas centenas de outros capturados, ele é levado a um campo de concentração de segurança máxima.

Ali, Hilts lidera uma equipe para tentar escapar do local. A ideia é cavar três túneis, para poderem migrar caso algum seja descoberto. Cada integrante do plano é responsável por algo. Um é designado a cavar, enquanto outro se encarrega do contrabando, outro da segurança, um da inteligência e assim por diante. O filme influenciou em como Tarantino apresenta seus personagens e tende a atribuir funções específicas a cada um deles.

6 - Jejum de Amor (1940)

O filme é uma comédia dirigida por Howard Hawks e escrita por Charles Lederer a partir da peça The Front Page, de Ben Hecht. A história acompanha um casal de jornalistas que acaba de se divorciar. Quando Hildy (Rosalind Russell) chega ao jornal e pede demissão, Walter (Cary Grant) precisa pensar rápido. Até porque, Huldy anuncia que irá se casar novamente em breve.

Assim, Walter pede para ela escrever uma última reportagem, uma última grande história! Os dois então passam a trabalhar na história do assassino Earl Williams. Dessa forma, Walter pretende ganhar tempo para frustrar o casamento da ex-mulher.

5 - Carrie, a Estranha (1976)

Carrie é uma adolescente tímida, sem amigos e isolada pelos outros alunos na escola. Ela vive sob a constante opressão de sua mãe extremamente religiosa. A jovem possui poderes telecinéticos, os quais são despertados de forma brutal depois de ela ser humilhada no baile de formatura da escola.

O filme tem uma das cenas mais famosas da história do cinema, a de Carrie recebendo um banho de tinta em cima do palco no dia da formatura. O longa é dirigido por Brian de Palma e roteirizado por Lawrence D. Cohen, adaptação do livro homônimo de Stephen King. A tensão da história é construída aos poucos, no decorrer da projeção. Todo suspense é montado e direcionado para o clímax no terceiro ato.

4 - Apocalypse Now (1979)

Talvez essa seja a segunda obra mais conhecida de Francis Ford Coppola, sendo a trilogia O Poderoso Chefão a primeira. O filme retrata parte da Guerra do Vietnã, de modo cru e tenso. Baseado no Coração das Trevas, romance de Joseph Conrad, são mais de duas horas com soldados no meio da selva.

Muitas mortes brutais, ataques, bombardeios e muitas guerrilheiros funcionando à base de alucinógenos. Embora o filme seja tecnicamente uma obra de arte, o ritmo da narrativa e a própria temática costumam afastar o interesse dos mais jovens. Porém, ele ainda é referência no meio da indústria, sendo revisitado por vários cineastas famosos.

3 - Tubarão (1975)

O filme de Steven Spielberg foi um marco na história do cinema em si. Até então, não faziam filmes onde o perigo era mascarado. Em Tubarão, raramente vemos a criatura-título em tela. Sua chegada é anunciada por uma música tema composta por apenas duas notas. Toda a agonia e o terror da história giram em torno de algo que a audiência não vê.

2 - Taxi Driver (1976)

Dirigido por Martin Scorsese e escrito por Paul Schrader, o filme acompanha a vida de um veterano de guerra que trabalha como taxista noturno em Nova York. Scorsese explora a instabilidade mental de Travis Bickle (Robert De Niro) por meio dos enquadramentos. A estrutura visual da narrativa representa a mente insalubre do protagonista. Seu desejo por violência e sua isolação social.

1 - Três Homens em Conflito (1966)

Por muitos anos, o Western foi um dos gêneros mais trabalhados em Hollywood. Não por acaso, encontramos diversas pérolas na sétima arte em meio a dezenas desses títulos. Três Homens em Conflito, ao lado de Era Uma Vez no Oeste, talvez seja a obra mais memorável dos faroestes.

Nessa época, Clint Eastwood apenas atuava e este, sem dúvidas, foi o ponto alto de sua carreira como ator. Na história, um caçador de recompensas faz uma inesperada aliança com outros dois homens, a fim de encontrar um tesouro enterrado no cemitério. A direção de Sergio Leone tem fortes influências no estilo de Tarantino. Em especial na criação da tenção.

Leone usa cortes secos e bastantes closes, além de dar atenção especial às angulações para desenvolver diálogos visuais. Dentro da indústria e no meio das pessoas que admiram o cinema como arte, Três Homens em Conflito é um filme completo, preciso e perfeitamente executado em todas as áreas.

Próxima Matéria
Via   SR     IMDB  
Imagens Sebastian Kim
Gabi Noronha
Resumindo, é basicamente isso! Mais aventuras em Instagram: @gabinoronhaf
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+