icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Estreia de série aumenta o número de suicídios nos EUA

POR Jesus Galvão    EM Curiosidades      03/05/19 às 16h06
capa do post Estreia de série aumenta o número de suicídios nos EUA

Segundo um novo estudo, desde que a série 13 Reasons Why estreou na Netflix, em 2017, as taxas de suicídios de jovens norte americanos aumentaram. A trama conta a história de um adolescente que grava em 13 fitas, as razões que a motivaram a tirar sua própria vida. Nó último episódio, a personagem é descrita cortando seus pulsos em uma banheira. O estudo tem dividido a opinião das pessoas na internet.

No entanto, pesquisadores informaram que o estudo possui suas limitações e que eles não poderiam estabelecer um link direto entre a série de TV e o aumento das taxas de suicídio, ou excluir outros fatores. Para um estudo, que antecedeu a este, o programa foi associado a um risco reduzido de lesões auto provocadas por adultos jovens.

Os efeitos de 13 Reasons Why

De acordo com o Instituto Nacional de Apoio à Saúde (NIH, na sigla em inglês), as taxa de suicídio em abril de 2017 foi 28,9% maior entre jovens dos 10 aos 17 anos do que era esperado. Esses números se baseiam na contagem de suicídios e tendencias observadas em anos anteriores. O aumento foi observado principalmente entre os meninos jovens.

O estudo foi publicado no Journal of the American Academy of Child and Adolescent Psychiatry. Ele foi realizado em várias universidades e no Instituto Nacional de Saúde Mental (NIMH), parte integrante do NIH, nos EUA. O NIHM também financiou as pesquisas.

Segundo um porta-voz da Netflix, a empresa já tem conhecimento a respeito do estudo e o está revisando. "É um tópico extremamente importante e temos trabalhado duro para garantir que lidemos com essa questão sensível de maneira responsável", disse o porta-voz da Netflix.

Novas descobertas

O porta-voz ainda acrescentou que este estudo entra em conflito com uma descoberta recente de uma equipe da Universidade da Pensilvânia. Segundo pesquisa realizada por eles com jovens de 18 a 29 anos e que assistiram à segunda temporada da série, eles foram menos propensos a relatarem pensamentos suicidas do que aqueles que não assistiram a série.

A cena da personagem na banheira, mencionada no início da matéria, causou uma reação intensa entre pais e profissionais da saúde. O que levou a Netflix a colocar avisos adicionais para os telespectadores. Além de direcioná-los a grupos de apoio. A segunda temporada da série foi lançada em 2019, e a terceira temporada já foi confirmada.

Reed Hastings, presidente-executivo da Netflix, defendeu a renovação da terceira temporada da série durante uma reunião de acionistas. "'13 Reasons Why ' é extremamente popular e bem sucedida. É um conteúdo envolvente. Isso é controverso. Mas ninguém é obrigado assistir", disse Hastings.

Os pesquisadores, com o apoio do NIH, disseram que o estudo "deve servir como um lembrete para estarmos atentos aos possíveis impactos não intencionais da representação do suicídio e como um apelo à industria do entretenimento e à mídia para que usem melhores práticas em relação a esse tópico".

Então pessoal, o que acharam da matéria? O que pensam a respeito da série e do assunto? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.


Próxima Matéria
avatar Jesus Galvão
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest