• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Estudantes goianos ganham prêmio da Universidade da NASA com chiclete de pimenta

POR Jesus Galvão    EM Ciência e Tecnologia      24/07/19 às 15h13

Com a invenção de um chiclete de pimenta, sete alunos do Ensino Médio da escola SESI Vila Canaã, em Goiânia, Goiás, e que formavam a equipe Gametech Canaã, venceram o Torneio Aberto de Robótica de West Virginia. Evento produzido pela Universidade da NASA, nos Estados Unidos. O grupo conseguiu se classificar em primeiro lugar em três categorias.

Os estudantes garantiram a primeiro colocação nas categorias de pesquisa, de montagem de robôs e de interação com os demais competidores. A competição teve duração total de três dias. Foram reunidos alunos de 12 países, em 70 equipes distintas. O tema proposto pela competição neste ano era "Em "rbita". Os estudantes foram desafiados a criar soluções para problemas enfrentados por astronautas em missões no espaço.

De acordo com o que observaram os estudantes, é muito comum que astronautas fiquem com as vias superiores congestionadas, devido à falta de gravidade quando fora do espaço da Terra. Isso ocasiona uma maior dificuldade para sentir o gosto dos alimentos. Com isso em mente, os estudantes de Goiás resolveram buscar alimentos termogênicos, que pudessem ajudar os astronautas a lidarem com tal condição.

A equipe Gametech Canaã, composta pelos alunos Ana Sofia Gonçalves Dourados, de 16 anos, Dan Lucas Mendonça Ribeiro, de 17 anos, Eduardo Lemes Ribeiro, de 16 anos, Felipe Caetano Valverde, de 16 anos, João Paulo Lima Gonçalves, de 17 anos, Kairo Ceciliano Silva, de 16 anos, e Miguel Silva Dutra, de 16 anos. Eles se reuniram na iniciativa e desenvolveram então um chiclete feito de pimenta.

Este ingrediente, muito presente na mesa dos brasileiros, ativa as papilas gustativas e também ajuda na desobstrução das vias respiratórias. O produto ganhou o nome de 'chiliclete'. Uma clara referência a forma como a pimenta é popularmente chamada em inglês, no caso, pelo termo chili.

Chiliclete

A pesquisa foi desenvolvida pelo grupo durante sete meses. Antes da competição, o chiliclete havia sido apresentado na edição nacional do Torneio de Robótica, que ocorreu no Rio de Janeiro. Foi nessa edição, que a Gametech Canaã foi selecionada para a etapa internacional da competição. Os alunos, para desenvolver o produto, contaram com a parceria de uma fábrica de São Paulo, que forneceu a goma básica.

Diversos sabores foram produzidos, como menta e barbecue. A pimenta escolhida, para compor o sabor do chiliclete, foi a pimenta bode. "Escolhemos essa variedade porque era a mais acessível para nós, mas poderíamos fazer com outras pimentas também", explicou Dourados, em entrevista à revista GALILEU.

De acordo com a estudante, o sabor do produto, criado por eles, dura até 2 horas. A recomendação feita pelos estudantes é a de que os astronautas masquem o chiliclete por, ao menos, 10 minutos antes de comerem. A goma de mascar feita pelos goianos poderá ser engolida, pois "o chiclete é feito de componente orgânicos", contou a estudante.

Outra sacada genial dos alunos foi produzir a embalagem do produto de plástico verde. Isso pois este poderá ser reutilizado pelos astronautas em impressoras 3D. Impressoras do tipo podem ser utilizadas por eles em missões espaciais na criação de ferramentas.

A jovem também revelou que algumas empresas já se mostraram interessadas no chiclete desenvolvido por ela e seus colegas. Dourados também explicou que a goma de mascar vencedora do primeiro lugar no torneio também poderá ser consumida pelos terráqueos. A equipe agora aguarda a conclusão do processo de patente do chiliclete, recentemente aberto.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+