• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Garota encontra sua irmã gêmea graças ao Youtube

POR Toni Nascimento    EM Curiosidades      18/12/18 às 18h06

Você já imaginou se, por acaso, tiver um irmão gêmeo perdido pelo mundo? Esse tipo de trama novelesca mexe com a nossa imaginação e, por incrível que pareça, acontece na vida real vez ou outra. Esse foi o caso das irmãs Samantha Futerman e Anais Bordier, da Coreia do Sul, que teriam passado suas existências completas sem se conhecerem, caso não existisse a internet.

As duas estavam para ser adotadas quando bebês, e as famílias que as acolheram queriam um filho único, e não criar dois irmãos. Enquanto Samantha foi acolhida por uma família de Los Angeles, Anaïs foi recebida por uma família em Paris. Elas só foram se conhecer décadas depois, através de um vídeo no YouTube. Vem comigo, que eu vou te contar essa história.

Anais Bordier

Anais, estudante de Moda em Londres, estava dentro do metrô quando recebeu a mensagem de um amigo, afirmando que alguém havia postado um vídeo dela no YouTube. Ela ficou curiosa naquele momento, uma vez que nunca havia gravado um vídeo para o canal em toda a sua vida. Ao entrar no YouTube, se deu conta de que não se tratava dela. Aquela pessoa não era ela. "Ela era exatamente como eu". Depois desse episódio, seus amigos começaram a brincar de que ela tinha uma dublê nos Estados Unidos.

Um ano depois, ela voltou a ver a mulher em outro vídeo no YouTube, dessa vez no trailer de um filme. Nesta ocasião, inclusive, existiam dados e informações sobre a jovem. "O site dizia que ela havia nascido na Coreia do Sul, em 19 de novembro de 1987. Achei que estava ficando louca: eu também havia nascido nesse dia, e também tinha sido adotada na Coreia do Sul". Anaïs foi correndo contar para seus pais, que neste momento lhe falaram da possibilidade dela ter uma irmã gêmea.

Samantha Futerman

Enquanto isso, nos Estados Unidos, Samantha Futerman estava em casa pintando as unhas quando recebeu mensagem de Anais. Samantha trabalhava meio período em um restaurante de Los Angeles enquanto tentava engatar uma carreira de atriz. Ela estava bastante ansiosa para a estreia de seu longa. Ela já havia viajado à Coreia, visto seu histórico, e achava que sabia tudo sobre a sua vida pregressa. As duas decidiram fazer uma chamada de vídeo por Skype. "É tão esquisito ver alguém que é exatamente como você", afirmou Samantha. A primeira conversa durou três horas.

Elas começaram a ter um contato pela internet, e um tempo depois, Samantha foi até Londres para a formatura de sua irmã gêmea. No primeiro encontro, as duas não conversaram nada, nem riram ou choraram, apenas se olharam muito. Os exames de DNA confirmaram que elas são geneticamente idênticas em 95%. Após isso, elas ficaram cada vez mais próximas, e hoje, adaptaram suas vidas para ser o que sempre foram: uma família. Até hoje, as duas não têm nenhuma informação sobre sua mãe biológica ou sobre porque foram separadas ao nascer.

E aí, o que você achou dessa história? Comenta aqui com a gente e compartilha nas suas redes sociais. Para você que sentiu uma lágrima cair de emoção, aquele abraço.

Próxima Matéria
Via   BBC  
Toni Nascimento
Nerd, mas principalmente amante do cinema. Mais em @nascimento_toni
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+