• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Gravação rara de Einstein registrou gênio falando de bomba atômica e música

POR Bruno Destéfano    EM Curiosidades      10/05/19 às 15h07

Albert Einstein sempre evitou a publicidade e preferia fazer seu trabalho em completo silêncio. Por isso, existem poucas evidências de sua vida fora dos holofotes habituais da mídia. Em uma conversa casual registrada há mais de 60 anos, porém, o cientista contou piadas e fez análises sobre a política global. Além disso, a gravação rara de Einstein registrou gênio falando de bomba atômica e música. A intrigante conversa entre Einstein, Jack e Frances Rosenberg foi gravada no ano de 1951, em Princeton/Nova Jersey. Ele sentara-se para uma refeição com os dois amigos, no Instituto de Estudos Avançados de Princeton.

Einstein era conhecido por sua apreciação da música e, na gravação, descreveu o amor por Brahms, Schubert e Beethoven. Também elogiou uma de suas composições musicais favoritas: "Violin Concerto", do compositor romeno George Enescu. "Na minha juventude, eu não tinha escutado nada melhor", disse.

Debate entre amigos

Jack se formou no Instituto de Tecnologia de Massachusetts no ano de 1947, tornando-se assistente de pesquisa do físico e matemático Von Neuman. Ele se familiarizou com Einstein quando foi encarregado de construir um receptor de FM para dá-lo como presente de aniversário, por sugestão de Robert Oppenheimer. Rosenberg, Von Neuman, Oppenheimer e um amigo artista, Panofsky, entregaram o presente a Einstein no dia de seu aniversário, depois que uma antena foi secretamente instalada em conluio com a governanta. A partir desse momento, ambos construíram uma estreita relação de amizade.

Em 1951, a conversa casual foi gravada em discos de longa duração. Posteriormente, foi transferido para fita magnética e entregue ao expedidor atual há quase trinta anos. Não há informação sobre o paradeiro dos registros originais. Quando transferida para fita, a conversa era "incorporada" na parte de trás do rolo, unida a alguma música gravada.

O nível de volume inicial é bastante baixo, mas atinge um nível normal após um breve período. Há algum ruído de fundo e "arranhões" de superfície. Einstein, como esperado, fala com um forte sotaque alemão ao longo dos 33 minutos. O diálogo é entremeado por brincadeiras e risadas, o que indicam o senso de humor do ilustre físico.

Sobre Julius e Ethel Rosenberg

A rara gravação de Einstein foi oferecida em leilão no dia 4 de maio, por meio da plataforma Heritage AuctionsExiste uma prévia de três minutos no website, com as reflexões de Einstein sobre o julgamento por espionagem de Julius e Ethel Rosenberg. Estes, por sua vez, foram cidadãos norte americanos acusados de compartilhar informações sobre armas nucleares com a União Soviética.

Na fita, Einstein sugeriu que o que estava acontecendo com os Rosenberg era "injusto" e que as ações contra eles eram "imprudentes". Os Rosenbergs foram posteriormente considerados culpados e sentenciados à morte, em 1953.

Arrependimentos

Einstein também lamentou seu próprio papel em conduzir os EUA ao desenvolvimento de bombas atômicas, através de uma carta que enviou para Franklin Delano Roosevelt, em 1939. "Eu acredito que foi uma grande desgraça", disse ele na gravação completa. Além disso, acrescentou: "Eu me arrependo muito".

A saúde de FDR eventualmente se deteriorou perto do fim do conflito e ele morreu três meses antes de começar seu quarto mandato. Einstein estava convencido de que, se FDR estivesse vivo na época, nunca teria usado a bomba atômica. "Estou convencido disso", reforça. No entanto, Einstein demonstrou reações positivas ao saber que a Rússia havia desenvolvido a sua própria bomba atômica. Ele chegou a declarar, ao longo da conversa, que tais armas nucleares seriam "melhores para o bem-estar mundial" se os EUA não fossem a única nação a possuí-las. Um pouco polêmico, não acha?

Uma cópia da gravação está na coleção Einstein, do Instituto de Tecnologia da Califórnia. O diferencial é que o leilão oferece uma oportunidade de ter uma entrevista exclusiva com um renomado cientista "que não está disponível para o público em geral", disse Don Ackerman, diretor da remessa. Os lances para a fita de áudio começaram em R$13.800,00, sendo a última oferta registrada no valor de R$23.000,00 [atualizado em 9 de maio]. O vencedor também receberá um CD contendo a gravação.

Dá para acreditar que a gravação rara de Einstein registrou gênio falando de bomba atômica e música? Você cogitaria fazer um lance para obtê-la?

Próxima Matéria
Bruno Destéfano
Escritor, fotógrafo e jornalista // Deixe que o conhecimento te revolucione de dentro para fora.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+