• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


A história de Papa Legba, uma figura de vodu vista como a mais diabólica

POR Diogo Quiareli    EM Curiosidades      23/10/18 às 15h50

O nosso mundo é composto por pessoas, de várias religiões e com diversas crenças. Em cada uma delas, há os deuses, espíritos, entidades e, é claro, seus representantes físicos na Terra. No cristianismo, temos Jesus que passou pela Terra há mais de 2 mil anos. No budismo, o Buda e por aí vai. No entanto, uma das figuras que mais chamam a atenção é conhecido como Papa Legba. Se você já assistiu American Horror Story, provavelmente já viu Legba, que faz parte do vodu haitiano. Sua história é bastante medonha e um tanto curiosa. Pensando nisso, trouxemos alguns esclarecimentos a respeito de papa Legba. Confira conosco a seguir.

História

Papa Legba é uma figura do vodu haitiano. Ele age como intermediário entre o Loa e a humanidade. Papa é como uma encruzilhada espiritual e dá a permissão para falar com os espíritos Guinee. Os praticantes de vodu haitiano acreditam que existe um criador supremo, chamado de Bondye, que pode ser traduzido como "Bom Deus". Esse criador não intercede em assuntos humanos, por isso usa os espíritos subservientes, que agem como intermediários entre ele e o mundo. Isso é o que Papa Legba é. Acredita-se que ninguém jamais conseguirá atingir o seu nível de espiritualidade.

Sua figura era de um homem pobre, usando um chapéu de palha, roupas como trapos e fumando um cachimbo. Geralmente, andava acompanhado por cachorros e essa era sua marca. Papa precisava se apoiar em uma muleta ou em uma lata para andar. Mesmo parecendo fraco demais para andar e até sobreviver, ele era uma das figuras mais poderosas do vodu. Dizem que ele andava mancando porque estava, na verdade, andando em dois mundos ao mesmo tempo. O mundo dos vivos e o dos espíritos. Sua bengala poderia não ser algo comum, na verdade sendo a porta de entrada entre o mundo humano e o céu.

Papa era ainda um grande comunicador e falava todas as línguas do mundo e dos deuses. Somente ele tinha o poder de abrir a porta para deixar os outros espíritos entrarem no mundo humano. Nenhuma comunicação com os demais espíritos podia acontecer sem que antes o saudassem. Por esse motivo, todas as cerimônias na religião começavam com uma oferenda à Papa Legba, assim ele poderia abrir a porta e deixar os espíritos passar.

Embora as pessoas tenham medo dele, Papa é uma figura benevolente e paternal. Não é preciso muito para poder apaziguá-lo. Legba não é um espírito exigente, embora seja considerado um trapaceiro e amante dos enigmas. Mesmo sendo um bom comunicador, gosta de lidar com a incerteza e a confusão. Suas mensagens muitas vezes são distorcidas ou mal compreendidas, isso porque ele se mantém em uma encruzilhada entre a certeza e incerteza. Embora seja medonho e retratado como um demônio, Papa era um bom ser e bastante bondoso.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.

Próxima Matéria
Diogo Quiareli
Geminiano, 25 anos, goiano.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+