icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Isso é o que acontece quando você come demais uma vez só

POR Bruno Dias EM Curiosidades 10/08/20 às 12h41

capa do post Isso é o que acontece quando você come demais uma vez só

Comer é um dos melhores prazeres da vida para muitas pessoas. Mas também é um dos sete pecados capitais. Todos nós já ouvimos que, o que não mata, engorda. E a verdade é que, se não nos controlarmos com a comida, realmente podemos ter problemas que nos levem à morte.

Todos nós já exageramos na comida. Seja com sorvetes e bolos na comemoração de aniversários, pizzas em casa quando recebemos visitas e aqueles vários litros de refrigerante, para matar a sede ou acompanhar um bom filme.

E várias pesquisas analisaram os efeitos de longo prazo desse consumo excessivo de calorias para a saúde. Entre eles estão um maior armazenamento de gordura, controle endócrino prejudicado e alterações no músculo esquelético e tecido adiposo.

Mas ainda se sabe pouco sobre como o corpo humano lida com essas ocasiões únicas de excesso. E se elas tem algum efeito na saúde em geral. Foi isso que o último estudo feito teve como objetivo descobrir.

As pessoas tem uma capacidade grande de comer demais por um período de tempo grande. Um exemplo disso são os membros da tribo Massa que praticam o Guru Walla, que é um festival tradicional de engorda onde eles tentam ganhar o máximo de peso comendo o máximo que aguentam.

Vários membros conseguem ganhar 11 quilos de gordura em dois meses, comendo aproximadamente 8.700 calorias por dia. Isso é três vezes mais do que o recomendável para adultos.

Por mais que esse exemplo seja extremo, ele nos mostra que os corpos humanos são capazes de comer muito. Coisa que não é necessariamente boa. E mesmo "somente" 24 horas de superalimentação pode ter algumas consequências negativas para a saúde. Como por exemplo elevar as concentrações de açúcar no sangue.

Estudo

O estudo queria entender quanto os humanos podem comer quando o ponto de saciedade é passado. E também o efeito que isso tem no corpo medindo como esse excesso de comida afeta o metabolismo nas horas depois da refeição.

Para isso, foi observado um grupo de 14 homens saudáveis, entre 23 e 37 anos. Em uma das experiências foi pedido que eles comessem o máximo de pizza que pudessem até se sentirem satisfeitos. Em média, eles comeram 1.500 calorias, o que deu um pouco menos de uma pizza grande.

Em outra experiência foi pedido que eles comessem até não poder mais, passando da sensação de saciedade. Os homens conseguiram comer quase o dobro, aproximadamente três mil calorias em média. E alguns conseguiram comer o equivalente a quase duas pizzas grandes e meia.

Em intervalos regulares por quatro horas depois do começo da refeição amostras de sangue foram coletadas para ver como o corpo estava lidando. A surpresa foi que, apesar de comer o dobro da comida, teve apenas um pequeno aumento dos níveis de açúcar e gordura no sangue.

Metabolismo

Conseguir manter o açúcar no sangue e a gordura na faixa normal mostra o quão saudável é o metabolismo de uma pessoa. E também pode mostrar o risco de desenvolver doenças, como por exemplo diabetes tipo 2 ou doenças cardiovasculares.

Nas pessoas fisicamente ativas e saudáveis, o corpo é capaz de controlar o açúcar e a gordura no sangue depois de uma refeição grande. Ele trabalha um pouco mais que o normal para que o metabolismo seja controlado.

O que ajudou o corpo a controlar os níveis de açúcar no sangue foram os hormônios liberados do intestino e do pâncreas, incluindo a insulina. Além disso, a frequência cardíaca aumentou depois da refeição. Isso confirmou que o corpo estava trabalhando mais para manter as coisas sob controle.

Outros aspectos também foram observados, como a saciedade, a sonolência e o desejo por certos tipos de alimentos. Os participantes tiveram pouca vontade de comer alguma coisa, mesmo que fosse sobremesa, quando comeram alem do ponto de saciedade confortável. E isso se manteve mesmo quatro horas depois da refeição. As pessoas também se sentiam mais sonolentas e com menos energia depois de comer demais.

Resultados

Os resultados mostraram que comer em excesso não causa muito dano à saúde. Mas ficar 24 horas comendo demais parece ter um efeito. Por conta disso, o foco das futuras pesquisas pode ser entender em como os corpos lidam com a próxima refeição depois de um dia comendo em excesso.

Além disso, o estudo se concentrou em participantes jovens e saudáveis. Então, será importante observar como o corpo reage a alimentação em excesso em pessoas que têm sobrepeso ou risco de doenças como diabetes tipo 2.


Próxima Matéria
avatar Bruno Dias
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest