• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Mulher alega que sua filha adolescente, na verdade, tem 22 anos, entenda

POR Arthur Porto    EM Curiosidades      01/10/19 às 14h56

Kristine Barnett, de 45 anos, e Michael Barnett, de 43, estão sendo acusados de abandonar a filha adotiva, Natalia Grace, de 10 anos. O motivo? Em suma, Kristine Barnett afirma que a menina, além de não ter exatamente a idade que aparenta, é um sociopata de 22 anos que tentou matar sua família.

Sim, já vimos esse enredo. A mesma trama ilustra o famoso filme de terror americano A "rfã. Produzido em 2009, o filme conta a história de um casal que, após passar por uma experiência traumatizante, decide adotar a pequena, Esther. Porém, na trama, Esther, que é interpretada por Isabelle Fuhrman, na verdade, é uma adulta de 33 anos que sempre se passa por criança. O propósito? Matar as famílias que a adotam.

O caso

De acordo com informações divulgadas pela imprensa, o casal americano deixou Natalia Grace, que tem nanismo, em um apartamento nos Estados Unidos. Após abandonar Grace, o casal se mudou para o Canadá. O caso ocorreu em 2013. Entretanto, somente agora veio à tona, quando o casal foi acusado de negligência e ganhou as manchetes dos jornais.

Natalia foi adotada em 2010. Segundo o The Sun, a médica que a examinou na época afirmou que a garota ucraniana tinha oito anos. Os Barnetts, que atualmente já nao estao mais juntos, mudaram legalmente a idade da filha para 22 em 2012. Foi somente após mudar a idade de Natalia que o casal se mudou para o Canadá.

Depois de ser acusada de negligência, Kristine alegou que Natalia, além de ter mentido, tentou matá-la. Ainda de acordo com Kristine, a filha adotiva havia ameaçado esfaquear o casal, enquanto dormiam. Kristine afirma também que Natalia havia feito outros tipos de ameaças.

Em entrevista ao Daily Mail, Kristine disse que Natalia fazia declarações e fazia desenhos dizendo que queria matar membros da família, enrolá-los em um cobertor e colocá-los no quintal. "Ela ficava de pé sobre as pessoas no meio da noite. Você não conseguia dormir. Tivemos que esconder todos os objetos afiados", completou.

"Eu a vi colocando produtos químicos, como água sanitária, no meu café e perguntei: 'o que você está fazendo?' Ela disse: 'Estou tentando envenenar você"", afirmou Kristine. Em uma entrevista à WISH-TV, Kristine afirmou que Natalia foi diagnosticada como psicopata e sociopata.

Kristine segue afirmando que Natalia era adulta e não era criança quando foi adotada. Ainda, de acordo com Kristine, a filha adotiva havia escondido o fato de que já menstruava, tinha dentes adultos e pelos pubianos completos.

Os médicos

Os médicos examinaram Natalia e concluíram que ela é vítima de uma doença psicológica grave, que pode ser diagnosticada apenas em adultos. Kristine alega também que a doença levou Natalia a pular de carros em movimento e a espalhar sangue por espelhos.

Em suma, Kristine afirma que o casal resolveu "corrigir" a idade da filha, após um médico afirmar que o ano de nascimento (2003) estava errado. Natalia sofre de uma forma rara de nanismo. Analogamente, a menina tem um metro e meio de altura e problemas para caminhar. Por causa de sua condição, os médicos não conseguiram determinar sua idade.

Próxima Matéria
Arthur Porto
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+