icone menu logo logo-fatos-desconhecidos.png


Mulher investigou uma marca de nascença bizarra e descobriu que ela é sua própria irmã gêmea

POR Lucas Curado EM Ciência e Tecnologia 06/03/18 às 14h28

capa do post Mulher investigou uma marca de nascença bizarra e descobriu que ela é sua própria irmã gêmea

Já imaginou você ir um dia ao médico e descobrir que você tem uma irmã gêmea... E que essa irmã gêmea é você mesma! Isso pode parecer um trama bizarro de algum filme estranho, contudo, é como dizem: "Nada é impossível". Uma californiana passou por essa situação depois de perceber algo estranho em sua mancha de nascença. Ela descobriu que ela compartilha o mesmo corpo com sua irmã, como se fosse um tipo de "fusão". Isso aconteceu devido uma rara condição que somente poucas pessoas no mundo possuem. Ela consegue viver uma vida normal, apesar dos problemas da condição, como por exemplo uma deficiência em seu sistema imunológico. Apesar de sempre se achar diferente, ela resolveu usar isso para dar uma lição de como devemos nos amar do jeito que somos.

Hoje a Fato Desconhecidos traz para você a história de Taylor, a mulher que é sua própria irmã. É como se ela tivesse dois corpos em um só na forma de uma marca. Metade de seu corpo é, tecnicamente, o corpo de outra pessoa. Conheça a história da jovem que investigou uma marca de nascença bizarra e descobriu que ela é sua própria irmã gêmea!

Irmãs gêmeas

Imagina se um dia você descobre que sua irmã gêmea é você mesmo? Com certeza isso pode ser um cenário inimaginável e quando você leu o título dessa matéria você pensou: "oi?". Segundo a californiana Taylor Muhl, ela é sua própria irmã e a razão dela é bem plausível. Acontece que Taylor sofre de uma rara condição chamada quimerismo.

Ela possui uma marca de nascença que cobre metade de seu corpo, curiosamente, na parte onde a marca está, seu corpo é sutilmente desproporcional. Nessa região, e somente nessa região, ela possui alergias muito próprias e uma pigmentação diferente. Certa dia ela resolveu ir ao médico para entender do que se tratava... Quando os exames chegaram, ela descobriu que ela tinha absorvido sua irmã no período que estava sendo gerada.

Quimerismo

Como isso pode acontecer? A mãe de Taylor teve dois óvulos fertilizados por dois espermas diferentes. Contudo, um dos óvulos absorveu o outro, consequentemente, Taylor nasceu tendo dois tipos sanguíneos e dois DNA's. Esse tipo de quimerismo raro chama-se Quimerismo tetragamético, e somente 100 casos do mesmo já foram registrados.

Em alguns casos, a pessoa pode vir com a genitália feminina e masculina. Não é o caso de da jovem, pois sua "irmã gêmea" é mulher. A jovem conta que devido isso, sua mãe já teve que provar que realmente era sua mãe, pois o DNA de sua "irmã" interferia com os teste feitos. Não somente isso, Taylor também tem dois sistemas imunológicos.

Dificuldades e superação

Você pode pensar que com dois sistemas imunológicos ela acaba ganhando uma vantagem. Contudo, existem complicações. O seu sistema imunológico entende o DNA e o corpo de sua irmã como um corpo estranho. Por esse motivo, apesar de conseguir viver a vida normalmente, ela possui a saúde fragilizada. Seu sistema imunológico é menos eficiente que o da maioria das pessoas.

Isso levou ela a ter problemas auto-imunes. Taylor também conta que teve problemas para aceitar seu próprio corpo, até pela questão da pigmentação e, de certa forma, assimetria. Após ter superado isso, ela resolveu mostra-lo como uma forma ao mundo e provar que existe beleza na diferença. Como ela mesma disse: "Eu espero, mostrando minha própria imperfeição, inspirar outras com anormalidade físicas ou que são diferentes... Para que nunca parem de perseguir seus sonhos e se amarem incondicionalmente."


Próxima Matéria
Via   iflscience  
avatar Lucas Curado
Lucas Curado
Não só redator... Como também músico e compositor. Amante de um bom humor ácido e memes.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest