• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Nasa descobre um planeta extremamente parecido com a Terra

POR Fatos Desconhecidos (Acervo)    EM Sem categoria      23/07/15 às 18h41

Um dos grandes mistérios que a ciência tenta responder insistentemente é se existe ou não vida além da Terra. Por isso, várias tentativas de encontrar outros planetas parecidos com o nosso são feitas.

E parece que finalmente a humanidade está próxima dessas descobertas. A Nasa declarou recentemente ter encontrado um planeta "primo" da Terra, que poderia ser habitável.

O novo planeta, batizado de Kepler-452b, está localizado em torno de uma estrela que se assemelha ao sol. Apesar de tantas semelhanças, ele se diferencia da Terra em uma coisa, o tamanho.

O novo planeta tem um diâmetro 60% maior e também tem uma estrela mais antiga, com 6 bilhões de anos, contra 4,5 bilhões do sol.

Além disso, a distância entre ele e a sua estrela é 5% maior do que entre a Terra e o Sol. A órbita do Kepler-452b ao redor da estrela é de 385 dias, apenas 20 a mais que a translação da Terra.

Rumo a descoberta de vida

terr

De acordo com o físico John Grunsfeld, administrador associado na Nasa em Washington, a descoberta do planeta foi um grande passo para a descoberta de vida em outros planetas.

O Kepler-452b é o menor planeta descoberta orbitando em uma área habitável e fica a 1.400 anos-luz daqui."Esse resultado animador nos traz um passo mais próximo de encontrar uma Terra 2.0", afirma Grunsfeld.

De acordo com as pesquisas, o planeta é formado por rochas, mas ainda não é possível determinar a sua massa e a sua composição. Até agora, os cientistas já confirmaram a existência de 1.030 planetas no universo, além do Kepler-452b.

Próxima Matéria
Fatos Desconhecidos (Acervo)
Acervo, matérias feitas antes do ano de 2015.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+