icone menu logo logo-fatosnerd.png


Netflix e criadores de Stranger Things são processados por plágio

POR Letícia Dias EM Notícias 20/07/20 às 00h28

capa do post Netflix e criadores de Stranger Things são processados por plágio

Há algum tempo atrás, em 2018, Ross e Matt Duffer, conhecidos como os criadores de Stranger Things, enfrentaram sérias acusações. De acordo com o Charlie Kessler - conhecido por atuar na produção de séries como Jessica Jones, Demolidor, Luke Cage, Punho de Ferro e Os Defensores - o roteiro apresentado pelos irmãos Duffer havia sido roubado de um projeto dele. Segundo o produtor, ele apresentou a ideia de uma ficção científica aos Duffer e seus representantes em 2014. Coincidentemente, um ano depois, a dupla de diretores vendeu a série para a Netflix.

Antes de ser oficialmente intitulada Stranger Things, a produção carregava o nome Montauk, mesmo título do premiado curta-metragem realizado por Kessler em 2012. Além da temática e do nome, existem mais coincidências entre as obras do que podemos listar. No entanto, no ano passado, Kessler retirou as acusações um dia antes do julgamento. Ademais, ele emitiu um comunicado inocentando os irmãos.

Okay, mas se águas passadas não movem moinhos, por que estamos revisitando esse assunto? Pois bem, acontece que a acusação de Kessler não é mais um caso isolado. Recentemente, os criadores de Stranger Things foram processados por plagiar a ideia de outro programa. Contudo, dessa vez o nome da Netflix também está na reta e fez questão de se posicionar no caso. De acordo com o TheWrap, Jeffrey Kennedy alega que a série original da gigante do streaming foi "fortemente influenciada" por um roteiro que ele escreveu chamado Totem. "Enredo, sequência, personagens, tema, diálogo, humor e cenário, bem como arte conceitual com direitos autorais" são algumas coincidentes evidências apontadas por Kennedy. Além disso, os dois projetos estão conectados por Aaron Sims, que trabalhou próximo de Kennedy no desenvolvimento de seu projeto e depois criou a arte conceitual das duas primeiras temporadas de Stranger Things.

O pronunciamento da Netflix a respeito da acusação

Um representante da Netflix contou ao TheWrap que o "Sr. Kennedy tem explorado essas teorias conspiratórias há anos. A Netflix tentou explicar repetidamente a ele que os Irmãos Duffer nunca ouviram falar dele ou de seu roteiro não publicado até que ele começou a ameaçar processá-los. Depois que nos recusamos a ceder às suas demandas por uma recompensa, ele entrou com essa ação infundada. Não faltam pessoas que gostariam de reivindicar créditos por criar Stranger Things. Mas a verdade é que o programa foi concebido de forma independente pelos irmãos Duffer e é o resultado de sua criatividade e trabalho duro".

E então, o que você acha dessa situação? Plágio ou descobertas coincidentes e isoladas? Será que Kennedy conseguirá levar esse processo adiante? Compartilhe sua opinião com a gente.


Próxima Matéria
Via   CB  
Imagens CNBC Netflix
avatar Letícia Dias
Letícia Dias
Trabalhando pra falar de super-heróis, filmes e séries em tempo integral | @letdiax
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest