• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Novo filme do Coringa não segue nada que já foi visto nos quadrinhos

POR Gabi Noronha    EM Fatos Nerd      08/07/19 às 17h44

Quando o filme do Coringa foi anunciado, ninguém sabia ao certo o que esperar. O personagem não é apenas um dos mais conhecidos da história dos quadrinhos, como também é uma das mais icônicas figuras da ficção. Amado ou odiado, fato é que sua imagem ultrapassou as páginas. Dentro do Universo DC, o Palhaço do Crime já teve diversas versões e designs. No cinema, foi representado por atores talentosos, sendo imortalizado pela atuação de Heath Leagder e causado briga pela interpretação de Jared Leto.

Na época em que o longa foi anunciado, a Warner Bros. passava por uma crise com os personagens da DC. Embora Esquadrão Suicida tenha rendido bons lucros na bilheteria, foi um fracasso na crítica. Dessa forma, não havia certeza se Leto voltaria para o filme do Coringa. Quando noticiaram que o projeto seria a parte do universo unificado do cinema, a dúvida se tornou certeza. Logo, Joaquim Phoenix foi confirmado para o papel e as críticas dos "fãs" começaram. Na verdade, elas nunca pararem, pois muitos se mostraram contrário a ideia de um filme solo da origem do Palhaço sem a presença do Batman.

Coringa original

Felizmente, Coringa se tornou um personagem além do Homem Morcego. Com problemas, complexidade e personalidade capazes de fazê-lo andar sozinho. Só restava um "porém", o Palhaço do Crime não tem uma história de origem nos quadrinhos. Ao menos não uma canônica. Esse detalhe já faz parte da característica do personagem. O mais perto de saber o que aconteceu com ele foi contado pela mente de Alan Moore e as mãos de Brian Bolland com Piada Mortal. Existem outras leituras sobre a suposta insanidade do personagem, mas todas elseworld e nenhuma tão famosa quanto.

Sendo assim, o maior mistério era se o filme de Todd Phillips adaptaria a aclamada graphic novel. Pois bem, a resposta veio por meio do próprio diretor, em uma entrevista à revista Empire. O longa, segundo Phillips, será uma história inédita, uma reimaginação sobre o personagem e o início de tudo. "Nós não seguimos nada dos quadrinhos. Algo que as pessoas ficarão com raiva", disse o cineasta que também participou do roteiro.

"Nós apenas escrevemos nossa própria versão de onde um cara como o Coringa pode ter vindo. Isso foi o interessante para mim. Nós nem faremos a história do Coringa, mas uma história de como ele se tornou. É sobre este homem", disse. Mesmo que o filme não siga nada dos quadrinhos, a ideia por si só é interessante demais para não se animar. O primeiro trailer e a amostra da atuação de Joaquim Phoenix também são fatores que nos permitem colocar um sorriso no rosto. No entanto, levando em consideração as toxinas soltas atualmente no meio da cultura pop, Todd Phillips está certo sobre uma coisa. As pessoas irão reclamar.

Coringa estreia dia 4 de outubro nos cinemas.

Próxima Matéria
Gabi Noronha
Resumindo, é basicamente isso! Para mais aventuras Instagram: @gabinoronhaf Para comentários aleatórios e breves análises Twitter: @gabinoronhaf
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+