icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


O alimento que mais causa doenças no mundo pode estar na sua geladeira

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      08/08/18 às 18h10
capa do post O alimento que mais causa doenças no mundo pode estar na sua geladeira

A cada hora parecem surgir alimentos que fazem mal para a nossa saúde. Quem não se lembra do dilema que o ovo sofreu na discussão se era bom ou não para a saúde?! Alimentos que crescemos comendo e acreditando que são benéficos para a nossa saúde podem, de uma hora para a outra, deixar de ser.

Uma das carnes mais consumidas no mundo, correspondendo a 33% da ingestão planeta, o frango agora é o vilão e deixa pessoas mais doentes do que qualquer outro alimento. De acordo com uma análise do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos EUA, mais de 100 mil pessoas foram vítimas de surtos de doenças relacionadas a alimentos entre 2009 e 2015, e dessas doenças a ingestão de frango foi a causa número um. O consumo de frango foi o responsável por mais de 3 mil casos.

A segunda e terceira causa das doenças foram a carne de porco e os vegetais semeados. Peixes e laticínios foram responsáveis por mais surtos individuais, mas tiveram menos pessoas doentes e os surtos foram menores.

São considerados surtos quando dois ou mais casos de uma doença vem da ingestão de um mesmo alimento. Entre 2009 e 2015, 5760 surtos foram informados ao CDC que resultaram em 100.939 casos de doenças, 5.699 hospitalizações e 145 mortes em todos os estados dos EUA mais Washington DC e Porto Rico.

O norovirus foi apontado como a principal causa de metade dos surtos que estava ligada a um único vírus, bactéria ou toxina. Ele pode ser transmitido quando pessoas infectadas lidam com alimentos. A salmonela, bactéria encontrada em frango cru, ovos e carnes vermelhas foi a segunda principal causa dos surtos.

Proteção

O CDC diz que as aves, assim como a carne moída, devem ser bem cozidas e as sobras devem ir para o congelador depois de comer. Eles também alertam contra comidas cruas como ovos, maionese, sorvete, saladas e glacês de bolo.

Também é prudente se proteger da contaminação cruzada evitando lavar o frango cru antes de cozinhá-lo, isso porque as gotículas podem transferir bactérias. Esses mircoorganismos podem estabelecer nichos se não forem devidamente higienizados. Ao invés de lavá-lo tire as partes indesejadas com tesouras e cozinhe o frango completo para matar qualquer bactéria ou vírus que possa ter permanecido nele.

Por último, qualquer carne e ave não cozida deve ser mantida longe de todos os outros alimentos da cozinha. Também é bom usar tábuas e utensílios separados durante a preparação dos alimentos. E depois de usados devem ser lavados com água e sabão.


Próxima Matéria
avatar Bruno Dias
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest