icone menu logo logo-fatos-desconhecidos.png


O lado bom da Deep Web

POR A redação EM Mistérios & Horror 09/09/15 às 17h05

capa do post O lado bom da Deep Web

Você já ouviu falar da Deep Web, certo? Histórias sobre a parte "obscura" da Internet aterrorizam as pessoas todos os dias. Se mais de 90% de toda a internet está na chamada Deep Web, como costuma se acreditar, o que realmente existe lá?

Bom, é sabido que existe muita coisa bizarra e terrível, bem como vírus de computador e muito, mas muito conteúdo ilegal. Acessar a Deep Web é um risco que a pessoa corre, uma vez que, na busca por algo inocente, ela pode acabar se deparando com algo traumatizante - de verdade.

A verdade é que, para quem sabe como navegar (e isso se resume a clicar nos lugares certos), a Deep Web pode se mostrar uma experiência até enriquecedora em um certo ângulo. Claro, isto sem contar os assassinatos ou o tráfico de drogas que você terá que desviar no caminho. Como já foi dito (e eu ressalto), é preciso saber navegar.

Bom, antes de mais nada, vale a pena lembrar como é a Deep Web. Tudo funciona na base de fóruns bem simples, de forma a dificultar o rastreamento das autoridades. Não existe nenhuma preocupação com estética ou com layout. É tudo bem direto. E é neste visual cibernético do século passado que são postadas as bizarrices que fazem a fama negra da Deep Web. Claro, esta é a parte podre da humanidade utilizando um espaço livre para expor suas loucuras; não significa que toda a Deep Web seja assim.

A principal diferença da DW com a Internet convencional é que, em vez de segurança, você tem anonimato garantido (em troca de segurança nenhuma). E é justamente este anonimato que possibilita algumas das coisas boas que, acredite se quiser, também existem na Deep Web. Quero dizer, existem certos documentos governamentais que muita gente importante não iria gostar de ver por aí. Isto mesmo. A Deep Web é uma boa forma de burlar a censura. 

Muitos correspondentes internacionais, em países onde a rede é constantemente vigiada (como Coréia do Norte e China), utilizam o espaço para se comunicar com seus colegas de trabalho em outras partes do mundo. Desta forma, não há o risco de terem suas conversas interceptadas. Alguns especialistas, inclusive, já afirmam de que não haveria Primavera Árabe (que aconteceu em 2011) sem a Deep Web.

Wikileaks e o Anonymous também não teriam se tornado o que são hoje por meios convencionais. Para se ter uma ideia, foi graças a Deep Web que o grupo Anonymous conseguiu divulgar a identidade de 200 pedófilos, também em 2011. Isso sem citar tudo o que o Wikileaks já divulgou sobre os governos ocidentais.

Existem até mesmo agências que funcionam exclusivamente com Deep Web, vasculhando a parte de baixo da internet em busca de qualquer coisa, desde terroristas a assassinos profissionais e hackers. É uma forma de usar a DW contra seus próprios usuários: talvez a única forma de encontrá-los. Também é possível achar todo tipo de conhecimento gratuito na Deep Web, desde artigos científicos a fóruns de programação. Existem até fóruns de música. Basta saber onde procurar.

Fonte: Galileu


Próxima Matéria
avatar A redação
A redação
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest