• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


O preço de nadar durante 187 dias ao redor da Grã-Bretanha

POR Mateus Graff    EM Entretenimento      12/11/18 às 13h07

Se você é completamente apaixonado por esporte e superação, você definitivamente precisa ler essa matéria. Estamos falando isso porque depois de passar 157 dias no mar, lutando contra as forças do oceano, o aventureiro Ross Edgley retornou à Margate para ser o primeiro homem do mundo a nadar ao redor de toda a costa do Reino Unido.

Com 33 anos de idade, o cara conseguiu cumprir um dos maiores (senão o maior) desafios da sua vida. Na sua chegada, ele foi recebido por uma multidão de 300 nadadores. Sua jornada começou no dia 1 de junho e terminou no último domingo. O cara passava cerca de 12 horas por dia na água.

Loucura, né!? A gente conta mais dessa história para vocês.

O cara que nadou 187 dias ao redor da Grã-Bretanha

A missão de Edgley teve 2.864 quilômetros nadados no sentido horário ao redor da costa. Em agosto, ele quebrou o recorde de maior permanência no mar, que era de Benoit Lecomte, que nadou pelo Oceano Atlântico em 1998 por 73 dias. Edgley só saía da água para dormir e comer em seu barco de apoio.

O plano inicial desse maluco era apenas bater o recorde, mas depois de passar dois dias com os Royal Marine, ele ouviu que essa ideia era um pouco, digamos assim, capenga. "Um dos rapazes disse 'se levante e nade ao redor do Reino Unido' e pensei 'sim, isso soa bem'", disse Edgley em uma entrevista.

A distância coberta equivale a cem travessias do Canal da Mancha. Ele resumiu o desafio como um feito "brutal". Foram 157 dias sem tocar terra firme. O grande feito foi documentado e divulgado pelo patrocinador, a empresa Red Bull.

Os maiores desafios

Talvez nadar toda essa distância não seja o maior desafio, pois o cara teve de enfrentar o mar revolto, águas vivas, tubarões e água muito gelada.

Para ele, os ataques de água-viva foram os piores, principalmente à noite. "É quando você nem sabe que tipo de água-viva era", disse Edgley. "Eu me lembro do imenso redemoinho natural no Golfo de Corryvreckan, fiquei gravemente ferido", relembra o aventureiro.

"A dor foi lancinante. Eu levantei a cabeça para perguntar à equipe o que estava acontecendo e eles me disseram que a água-viva ainda estava presa ao meu rosto. Seus tentáculos estavam presos nos meus óculos de proteção e estavam me dando um tapa na cara", completou Edgley.

Ele estima que tenha consumido cerca de 500 bananas durante todo o percurso e que queimou cerca de 500 mil calorias. O vídeo abaixo mostra com detalhes como foram todos esses dias dentro do mar:

E aí, ficou chocado com o feito de Ross Edgley? Comente!

Próxima Matéria
Mateus Graff
https://www.instagram.com/mateusgraff/ https://www.facebook.com/mateus.adjutomartinsgraff
As categorias Terror, Sobrenatural, CreppyPasta e entretenimento têm como único objetivo de entreter. Não devem ser utilizadas como fontes de artigos científicos ou trabalhos escolares.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+