icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


O que aconteceria se a metade do universo, na vida real, desaparecesse com o estalar do Thanos?

POR Diogo Quiareli EM Curiosidades 25/04/19 às 17h19

capa do post O que aconteceria se a metade do universo, na vida real, desaparecesse com o estalar do Thanos?

Foi lançado mundialmente o filme "Avengers End Game", que marca o final de uma era da Marvel Studios que durou 10 anos. O filme dá fim à trama envolvendo os Vingadores e o grande vilão, Thanos. Em Avengers Infinity War, último filme envolvendo todos os heróis lançados, o vilão acabou com a metade do universo. Usando uma manopla com pedras poderosas, bastou um estalar de dedos para que metade da vida no universo sumisse. Agora já pensou se isso acontece no mundo real? O que será que aconteceria se metade do universo sumisse com o estalar do Thanos? Quais os danos nos causariam esse ato?

Para chegar a uma conclusão, uma conversa com um grupo de cientistas foi necessária. Eles buscavam encontrar o que realmente aconteceria ao nosso planeta. Thanos não exterminaria apenas bilhões de seres humanos e animais, mas também algumas das menores formas de vida que são parte fundamental da nossa saúde. Os micróbios intestinais, por exemplo, são importantes para a nossa digestão. "O microbioma é um ecossistema bastante complexo de organismos que inclui bactérias, fungos e vírus", afirmou Zuri Sullivan.

Zuri é imunologista da Universidade de Yale. "Os seres humanos têm uma capacidade bastante limitada para digerir material vegetal complexo, por isso contamos com essas bactérias comensais em nosso microbioma para quebrar os carboidratos complexos que obtemos de comer plantas", continuou ele. O nosso sistema imunológico também seria drasticamente afetado. Isso porque ele é feito para diferenciar as bactérias perigosas das inofensivas. Segundo o microbiologista Nicholas Lesniak, da Universidade de Michigan Thanos não deixaria instantaneamente todo mundo doente.

"Estamos falando de reduzir pela metade bilhões de células", disse ele. "Mas esses microorganismos têm um tempo de duplicação de horas, então esse impacto seria reduzido". A próxima grande preocupação desse ato seria a morte dos insetos. Isso porque a tarefa de cultivar seria quase impossível sem a metade dos insetos polinizadores do mundo. Eles são fundamentais para produtores de frutas, por exemplo. "Seria muito caótico, e eu nem sei como você iria estalar os dedos de uma forma ecologicamente sustentável", disse o entomologista May Berenbaum. May atua na Universidade de Illinois Urbana-Champaign.

"Você teria problemas com todos os serviços ecossistêmicos pelos quais os insetos são responsáveis, incluindo a remoção de cadáveres ou serviços de polinização". Até mesmo os insetos que comem esterco fariam falta para o mundo. Isso porque sem eles nós ficaríamos cercados por estrume. No entanto, o maior efeito seria para as espécies maiores, como os grandes mamíferos e os carnívoros. Isso porque pequenos animais, como ratos, poderiam herdar a Terra enquanto as maiores apenas morreriam.

Quando o planeta foi atingido pelo asteroide há 66 milhões de anos e culminou-se na extinção dos dinossauros, cerca de 75% de todas as espécies morreram também. No entanto, pequenos mamíferos conseguiram sobreviver e se adaptar. O nosso planeta seria totalmente comprometido caso metade da vida fosse perdida com o estalar do Thanos.

Estalar do Thanos

E aí, o que você achou dessa matéria? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.


Próxima Matéria
avatar Diogo Quiareli
Diogo Quiareli
Geminiano, 26 anos, goiano. Amante de música pop, fã de Katy e Luan.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest